O que são estas misteriosas “bolas” caindo do céu no sudeste da Espanha?

Por , em 16.11.2015

Três objetos misteriosos, que teriam caído do espaço, estão assustando moradores da região de Murcia, no sudeste da Espanha.

A primeira “bola” foi encontrada na terça-feira, 3 de novembro, por dois pastores em Calasparra. Um segundo objeto foi descoberto no início da semana passada em Villavieja. Alguns dias atrás, o terceiro e último desses objetos (por enquanto) foi visto em Elda.

O que são?

Ninguém sabe ao certo o que são esses objetos. O jornal espanhol El Pais reportou que eles possuem em torno de um metro de diâmetro e pesam cerca de 20 quilogramas.

Após o primeiro objeto ter sido descoberto, a Guarda Civil local iniciou um protocolo químico, biológico, radiológico e nuclear para examiná-lo, determinando que não era um artefato explosivo, nem perigosamente radioativo.

O mesmo procedimento foi feito com os outros dois objetos. Todos foram todos levados para estudos mais detalhados.

bolas espaciais espanha (2)

Lixo espacial?

Na última sexta-feira, 13 de novembro, detritos espaciais atingiram o Oceano Índico. Logo, muitos estão especulando que as bolas espanholas poderiam ser mais pedaços de lixo espacial.

E, é claro, há sempre a possibilidade de ser apenas uma pegadinha bem elaborada.

“Eu acho que é uma questão mais séria do que parece. Os cidadãos têm preocupações reais sobre o que está acontecendo e merecem uma explicação”, disse o prefeito de Calasparra, José Velez, ao jornal Olive Press.

Além de querer saber de onde estão vindo esses objetos, as maiores dúvidas dos locais são por que estas bolas estão caindo precisamente na região, se eles devem esperar mais desses objetos caindo do céu, e o que vai acontecer se estas bolas caírem em uma área altamente povoada.

Um porta-voz da polícia de Alicante disse que o objeto parecia “um pedaço de um veículo aeroespacial, mas não de um avião comercial”, sugerindo que é um pedaço de satélite ou algo similar.

Alguns argumentaram que a falta de uma cratera significa que as bolas não vieram do espaço, mas isso não é necessariamente o caso. Detritos espaciais caem a uma velocidade terminal. No caso de uma esfera de aproximadamente um metro de diâmetro, sua velocidade seria de 9,4 metros por segundo, o suficiente para ferir uma pessoa, mas não para deixar uma cratera.

O vídeo abaixo mostra objetos semelhantes que já caíram em outros países, inclusive no Brasil, o que reforça a teoria do lixo espacial. [IFLS]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

Deixe seu comentário!