Segundo nova teoria, o universo não está expandindo, mas sim ganhando massa

Por , em 30.07.2013

Por essa ninguém esperava. Segundo a nova teoria de um cosmólogo, o universo não está realmente em expansão, como a teoria padrão sugere. Em vez disso, os efeitos de desvio para o vermelho (“redshift”, em inglês) que os astrônomos veem pode significar que o universo inteiro está apenas ganhando mais massa, enquanto permanece fixo no lugar, ou até mesmo se contrai.

A teoria, do físico Christof Wetterich, da Universidade de Heidelberg, na Alemanha, ainda não foi revisada por outros cientistas, segundo informações do periódico “Nature News”. Curiosamente, a revista científica também relata que a ideia não pode ser testada, uma vez que as massas são medidas umas em relação às outras. Ou seja, mesmo se o universo estivesse ganhando massa, nós nunca saberíamos, porque todas as massas ainda seriam iguais em comparação com as outras.

No entanto, Wetterich garante que sua ideia não é inútil. Segundo ele, trata-se de uma outra maneira de olhar para o universo, o que é sempre bem vindo, além de ser uma teoria que ajuda a explicar algumas previsões preocupantes a partir da ideia de expansão padrão.

O fato de o universo ganhar massa pode criar um fenômeno que os astrônomos veem todos os dias: o efeito do desvio para o vermelho da luz vinda de galáxias distantes. Atualmente, os astrônomos interpretam esse desvio como um sinal de que o universo está se expandindo.

Outros físicos também já se manifestaram sobre a ideia de Wetterich. Alguns dizem que vale a pena considerar, além de ser um pensamento válido para agitar as opiniões dos cosmólogos. Outros não estão tão convencidos assim. [Pop Sci]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (5 votos, média: 4,80 de 5)

6 comentários

  • Cesar Grossmann:

    Fiquei curioso, será que esta nova maneira de ver o Universo explica a metalicidade das galáxias antigas?

  • Charles Escorcio:

    E esses caras ainda ganham grana para pensar estas coisas kkkkk

    • Jonatas Almeida da Silva:

      Ganham menos que um ator pra beijar uma bonitona, menos que um carinha famoso pra chutar uma bola, menos que um cabide humano caminhar duma ponta a outra da passarela. Talvez ganhem tanto quanto bombeiros que salvam vidas, que médicos que mantém a vida, que professores que preparam para a vida, e outros cientistas que buscam entender a vida, mas certamente ganham menos que políticos ganham pra ferrar com nossa vida… É a humanidade e suas prioridades.

    • João Huberto Bonfanti:

      Podia ter dormido sem essa né!!

  • Julio Queeiroz:

    wtf? se fosse assim o universo seria apenas um ponto de luz, todas as galaxias e estrelas estariam concentradas e um lugar só, sem falar que isso desbanca também a teoria do Big bang.

    • Rodrigo Ranzan:

      Aparentemente a teoria fala que universo não está expandindo, não que não expandiu. Como se tivesse expandido até determinado ponto, e a energia estivesse “condensando” ou algo assim.

Deixe seu comentário!