Terapia em teleconferência

Por , em 30.03.2010

De acordo com um novo estúdio, para fazer terapia você não precisa estar deitado no divã de seu psicólogo – muito menos no consultório dele. Um professor da Universidade de Montreal afirma que sessões via webcam são tão efetivas quando aquelas ao vivo.

As pesquisas mostraram que terapia via internet para pessoas com fobias funcionaram tão bem quanto as sessões ao vivo. No seu último estudo, os pesquisadores quiseram conferir se o mesmo vale para tratamentos de stress pós-traumático.

Até muito recentemente as teleconferências eram usadas pela medicina apenas por um médico que queria mostrar exames ou um diagnóstico para outro médico que estava distante. Com a “teleterapia” os pacientes podem, em teoria, consultar um especialista que esteja do outro lado do mundo.

No estudo, vítimas de stress pós-traumático foram divididas em dois grupos – metade foi tratada de forma convencional e a outra metade foi tratada por teleconferência. Os pacientes de teleterapia, no entanto, ainda precisavam visitar um hospital, que estava equipado com a câmera para a transmissão. O tratamento não era feito em casa.

Os resultados mostraram que os benefícios do grupo da teleterapia e do grupo da terapia normal foram os mesmos. O mesmo número de pacientes dos grupos percebeu a diminuição dos sintomas de stress pós-traumático.

Nenhum dos pacientes que foi tratado a distância expressou desconforto por ser intermediado pela tecnologia. Na verdade, o inverso aconteceu. Os pacientes ficaram mais felizes com a teleterapia por que essa proporcionava um afastamento entre eles e seu terapeuta.

Fonte: ScienceDaily

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 4,00 de 5)

5 comentários

  • Tchuco:

    🙂

  • Tchuco:

    Aproveitando q o assunto é terapia, sugiro que o site faça uma matéria sobre EFT (Emotional Freedom Techniques – Técnicas de Libertação Emocional). È uma prática ainda jovem no Brasil, porém muito eficaz, que pouca gente conhece, mas que muda vidas.

    Quem tiver interessado pode pesquisar tbm =D

    enjoyy

  • Wesley Hubris:

    Se você se interessou pelo assunto, procure na INTERNAT com treina o seu cérebro usando o neurofeedback…

    O neurofeedback é um treinamento que permite normalizar as alterações cerebrais típicas do TDAH – a hipofunção das áreas pré-frontais do córtex cerebral.

    Veja http://www.dda-deficitdeatencao.com.br/tratamento/neurofeedback.html

  • Rogério:

    interessante a idéia

  • Bugman:

    Este método já vem sendo usado há muito tempo pelas pessoas que usam o MSN. Sempre tem aquele cara/garota que perdeu o namorada(o) e decide se abrir com o primeiro que vê no MSN. Nós, mesmo sem querer fazer isso, acabamos dando uma de “psicólogo”

    Brincadeiras a parte

    Achei interessante a matéria. As pessoas com certeza se sentem bem mais à-vontade e se abrirão mais quando ela esta em um ambiente que ela conhece (A própria casa, por exemplo).

Deixe seu comentário!