Astrônomos descobrem que a Via Láctea tem sabor framboesa

Publicado em 22.04.2009

Astrônomos, que estudaram uma gigante nuvem de poeira estelar, no coração da Via Láctea, acreditam que a estrutura pode ter gosto de framboesa.

Cientistas do Instituto Max Planck de Radio Astronomia, em Bonn, na Alemanha, estavam procurando por evidências da existência de aminoácidos no espaço. Os aminoácidos são a forma básica pela qual a vida é criada.

No entanto, mesmo falhando em localizar os aminoácidos, eles encontraram uma substância parecida com o metanoato de etila, o responsável químico pelo sabor das framboesas.

Os astrônomos usaram o telescópio IRAM, na Espanha, para analisar a radiação emitida por uma região densa e quente de Sagitário, que cerca uma estrela recém nascida. A radiação da estrela é absorvida pelas moléculas que flutuam pela nuvem de gás que, então, emite novamente diferentes energias, dependendo da molécula.

Mas esta é uma parte da galáxia que você não vai querer lamber; assim como encontraram a substância do gosto de framboesa, os cientistas descobriram evidências da presença de cianeto de propila, uma substância letal, na mesma nuvem. As duas moléculas são as maiores descobertas no espaço aberto.

O astrônomo Arnauld Belloche brinca: “o metanoato de etila realmente é o responsável pelo gosto de framboesa. Mas apenas a presença dele em uma nuvem não faz com que seja possível a existência de framboesas espaciais. Precisa-se de mais substâncias”.

No ano passado, a mesma equipe de cientistas chegou perto de descobrir aminoácidos no espaço – eles descobriram uma molécula usada para “fazê-los”, chamada amino-acetonitrila. Anteriormente, eles também descobriram mais moléculas espaciais, como álcool, ácidos e aldeídos. [Telegraph]

Autor: Miguel Kramer

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

13 Comentários

  1. Pô… francamente mesmo. O cara se formar em astrofísica e descobrir que a via-láctea tem sabor?

    Que vergonha de publicar isso.

    Thumb up 8
    • Não é que tem sabor ou não, ele só descobriu que possui uma substância que coincide/assemelha-se com a framboesa, nada quer dizer que tem sabor disto.

      Thumb up 4
    • Não acho vergonhoso, mesmo se o artigo fosse apenas para falar do bendito gosto de framboesa (o que não é verdade, vide Gabriel Cardoso)

      … assim você quer acabar com toda a magia e romantismo (porque sempre tem alguém pra dizer que cientista não tem coração, é frio, metódico demais… e essa notícia mostra um pouco de humor e, claro, o romantismo da descoberta, sem precisar sair da realidade).

      Eu pelo menos não sirvo apenas para nascer, crescer, estudar, reproduzir, descobrir a cura pra SIDA, ganhar o nobel e morrer… me parece fantástico, embora relativamente “inútil”, saber que tem algo lá fora com gosto de framboesa. Gostei sim.

      Thumb up 2
  2. Adoro a Via Lactea. Gosto mto mesmo,pq é mto lindaa…… Gostaria de talvez um dia,ir conhecer de perto essa Via maravilhosa .. E enquanto visito,iria tentar tirar uma foto para depois pstar para vcs dar uma olhadinha…….

    Thumb up 0
  3. Nossa adorei muito legal
    é uma coisa q eu nunca iria imaginar que exiatia no universo

    Thumb up 0
    • Que bom termos esse conhecimento…Nos ajuda muito pra tipo uma pesquisa escolar por ex. Gostoo mto desses cites que falam sobre as blz do Universo. Espero que nós Seres Humanos,sem exceção,não conseguimos tbm destruir mais uma beleza… Pq na minha opinião e acho que na opinião de alguns de vcs que o Planeta Terra não esta se destruindo mas sim nós Seres Vivos,estamos destruindo-o. Matando as pessoas,desmatando a natureza,poluindo o ar,poluindo os rios mares e oceanos ETC….

      Thumb up 0
  4. pow muito bom, legal dimais essa descoberta. Mas fica meio dificil alguem ir la provar se é framboesa mesmo. Mas é interessante, pois abre ainda mais o leque de descobertas que podem ocorrer no futuro, podendo até mesmo descobrir a vida em algum outro lugar da galaxia.

    Thumb up 4
  5. Interessante essas descobertas, pois nos fazem pensar que as substâncias originadas pelas reações físico-químicas e bio-químicas de todos os elementos conhecidos (vide tabela periódica) devem estar espalhadas por todo o cosmos já que tudo veio de um ponto, teve a mesma origem, se propagou e continua se propagando universo a fora.

    Thumb up 7

Envie um comentário

Leia o post anterior:
praia-grande
Por que você precisa passar um tempo em contato com a natureza?

Isso quer dizer que ...

Fechar