Fotógrafo pega fogo ao tirar foto de vulcão

Publicado em 21.07.2013

photographer-kawika-singson-caught-on-fire-while-shooting-lava

Você talvez já tenha se deparado com essa fotografia emblemática, que tem rodado a internet nos últimos dias. Nela, o fotógrafo especializado em registrar imagens de vulcões, Kawika Singson, aparece com seu tripé durante uma sessão de fotos justamente de um vulcão ativo. A lava, no entanto, estava tão quente que chegou a provocar chamas no tênis e na base do tripé de Singson. A foto foi tirada por seu colega Chris Hirata.

O fotógrafo escolheu essa imagem como foto de capa do seu perfil no Facebook e adicionou a seguinte descrição: “Sempre tentando ser criativo, pensei que seria muito legal (e quente!) tirar uma foto da lava com meus sapatos e meu tripé em chamas ao fotografar a lava, de modo que foi isso que fiz”, escreveu.

Perguntado sobre a veracidade da imagem, Singson diz com convicção: “A lava é real, as chamas são reais e estava realmente quente! Eu consegui suportar o calor apenas por alguns segundos”.

A foto foi tirada no dia 4 de julho em algum lugar no Havaí. No entanto, mesmo após muito ser questionado sobre isso, Singson não quis dar as localizações exatas. “É um segredo, e além disso eu não quero que as pessoas vão lá para se machucar”, disse.

Singson diz que esta é a primeira vez que alguma peça de roupa sua ou equipamento pega fogo devido à proximidade de lava. Seus sapatos já haviam soltado fumaça antes, mas nunca realmente entrado em chamas.

Nem é preciso advertir que você não deve tentar esta façanha em casa (ou no vulcão mais perto dela). Isso é incrivelmente perigoso devido ao fato de que é possível cair na lava derretida logo abaixo, uma vez que apenas uma fina camada de pedra separam, no caso, o fotógrafo da lava. A situação é semelhante à de uma camada pouco espessa de gelo em cima de um lago congelado. Singson confirma. “Havia apenas uma fina camada de rocha sólida em cima do magma”.

Kawika Singson é um fotógrafo de paisagem baseado em Kailua-Kona, no Havaí, especialista em registrar situações da vida selvagem de sua terra. Uma das características de suas fotografias é o local onde são feitas, geralmente em pontos de difícil acesso ao público. Você pode curtir mais do trabalho de Singson em seu site oficial. [Bored Panda e Petapixel]

Autor: Bruno Calzavara

Bruno Calzavara é recém-formado em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná e está de volta à equipe do Hype após dois anos. Adora todos os esportes, exceto futebol. Gosta de chocolate e de sorvete, mas não de sorvete de chocolate.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

8 Comentários

    • Foi o que pensei logo que ví, achei que o post ia explicar isso haha.

      Thumb up 0
  1. o cara sem proteção para o rosto[mascara] sem proteção para as mãos[luvas]e mesmo assim o tripé pegando fogo ,que no minimo deve ser de alumínio ,o que indica que a temperatura estaria na casa dos 200 graus ,a menos que ele seja o motoqueiro fantasma ou é montagem para enganar trouxa….

    Thumb up 3
  2. Não da acreditar que alguém consiga chegar tão perto de um vulcão em atividade.Essa foto provavelmente e um fake. Se não for esse fotógrafo deve ir para o livro dos recordes como o “homem que suporta temperaturas altíssimas e sai ileso delas”

    Thumb up 1
  3. para haver inicio de chamas,,,a temperatura deveria estar alta mesmo, não entando como ele suportou?….Protetor solar fator 50??kkkk espreme e sai uma Capa!!!….isso ai ta errado,,armação de certezaaa….

    Thumb up 3

Envie um comentário

Leia o post anterior:
honeycomb_2
Segredo das formas do favo de mel revelado

Como as abelhas cons...

Fechar