Quer perder peso? Cale a boca

Publicado em 16.11.2011

Anita Mills tinha 173 quilos quando um médico lhe deu quatro regras simples para perder peso: comer 225 gramas de alimentos a cada 3 horas; não tomar bebidas açucaradas; não pular refeições e não contar a ninguém o que estava fazendo.

109 quilos mais leve, Anita agradece a última dica para passar pelos meses mais difíceis de sua viagem à perda de peso. Não ter alguém para questionar cada mordida ou tentar convencê-la a relaxar nos finais de semana lhe ajudou muito a se concentrar no seu objetivo.

“É muito melhor entrar em uma sala e alguém dizer: ‘ei, você está fazendo alguma coisa de diferente?’, do que anunciar: ‘estou em dieta’, e ter pessoas apontando o dedo para você”, conta.

O conselho parece contraintuitivo. Vigilantes do Peso e grupos semelhantes dizem que apoio é uma das principais razões para o sucesso dos seus programas. Estudos descobriram que a responsabilização é importante na realização de um objetivo.

Mas, segundo alguns especialistas, contar a família, amigos e Facebook sobre seus planos de dieta pode ter um efeito prejudicial.

Jon Walz, médico de Anita, culpa a necessidade de sigilo sobre a cultura da obesidade. Desde a infância, nós procuramos pessoas que se parecem e agem como nós. “As pessoas que são obesas vivem com pessoas obesas, acham amigos obesos. A maioria dos pacientes não reconhece o quão ruim é o estilo de vida que têm, porque acham normal”.

Como seres humanos, temos dificuldade com mudanças. Então, quando alguém que amamos altera seu estilo de vida, temos um problema em lidar com isso – mesmo que a transformação seja positiva.

“Deliberadamente ou não, a família, os amigos, e outras pessoas que fazem parte da cultura do indivíduo ‘resistem’ à mudança”, diz Walz.

Há outras razões para manter seus planos de emagrecimento para si mesmo. O Dr. Peter Gollwitzer, professor de psicologia, estuda como metas e planos afetam a cognição e o comportamento.

Em seu trabalho de pesquisa, “Quando as intenções se tornam públicas”, Gollwitzer descreve como ‘contar a verdade’ – e a resposta resultante – pode alterar as ações de alguém.

Todo mundo tem o que Gollwitzer chama de um “objetivo de identidade” de algum tipo, seja ser uma boa mãe ou um melhor cientista. No caso da perda de peso, o objetivo é ser um “perdedor de peso” de sucesso.

Para alcançar uma meta de identidade, você precisa de indicadores de suas realizações. Para um cientista, isso pode significar publicar trabalhos de investigação ou o reconhecimento de um chefe. Para alguém em dieta, isso pode significar perder alguns quilos ou receber elogios de amigos e família.

Gollwitzer descobriu que, quando você diz às pessoas o que você pretende fazer, e essa intenção é reconhecida, o reconhecimento se qualifica como um indicador de realização. “O perigo é que você acha que já atingiu a meta e por isso não tem mais que agir sobre ela”, diz.

Em outras palavras, quando você conta a um amigo que você está planejando perder tantos quilos e ele percebe sua boa intenção, você já não sente a necessidade de ir até o fim, através de exercícios ou uma alimentação saudável.

Há uma série de maneiras de evitar esse fenômeno. “Uma delas é simples – manter a boca fechada”, diz Gollwitzer. “Outra é formar diferentes tipos de intenções. Não só dizer o que você quer fazer, mas também quando, onde e como você deseja fazê-lo”.

Esse planejamento ajuda a criar ações de controle da situação. Quando você estiver na academia antes do trabalho, a situação que você traçou mentalmente ajuda a controlar o seu comportamento, em vez de meramente sua intenção de se exercitar, por exemplo, que pode “te enganar”.

A terceira maneira é contar seus planos apenas para uma ou duas pessoas que “detêm poder” sobre você (metaforicamente), para que eles possam ajudá-lo a manter as suas intenções.

Selecione as pessoas com cuidado. Pessoas com energia negativa ou um treinador que não se encaixa no seu estilo não vão ajudar. Mas se você encontrar alguém que o responsabilizará de uma boa forma, compartilhe suas intenções. Assim, ele vai lhe ajudar a não desistir.[CNN]

Autor: Natasha Romanzoti

tem 25 anos, é jornalista, apaixonada por esportes, livros de suspense, séries de todos os tipos e doces de todos os gostos.

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

11 Comentários

  1. Não entendi o texto, no começo o medico diz p\ ñ falar c\ ninguem a respeito, e no final aconselha ao pciente a falar c\ pessoas p\ ajudar, acho q esse medico é maluco, ele deve ter usado esparadrapo na boca da paciente p\ ela ñ falar e tbm ñ comer, ai emagrece rapidinho mesmo.Nas reuniões de vigilantes do peso, alcolicos anonimos, quimicos dependentes e outras terapias d ajuda,o principio de todos tratamentos é o dialogo franco e aberto , falando e dando testemunhos como incentivo para aqueles q ñ conseguem ficar livres dos problemas

    Thumb up 4
  2. Faz sentido. Quando uma pessoa diz que deseja emagrecer, amigos e familiares involuntariamente entram na expectativa, e ”cobram” resultados, o que é frustrante.

    Thumb up 10
  3. Faz sentido,qualquer coisa que se for fazer,e a pessoa contar aos outros,aparecem inúmeros comentários contrários e na maioria das vezes dá errado;O segredo é a chave do sucesso.

    Thumb up 11
  4. É verdade, quando espalhamos por aí sobre nosso interesse em emagrecer, todos, de certa forma, ficam atentos para verificar o ‘progresso( ou o insucesso) da dieta. Isso pode criar um quadro de ansiedade o que é prejudicial.

    Somente após ler esse texto parei para analisar a questão desse modo.

    Thumb up 13
  5. @Thainã

    Creio que sim, pois o ‘aspecto’ é quase o mesmo, os dois, são tipos de vícios.

    Thumb up 4
  6. gostei a melhor forma de cnseguir emgrecer e nao contar pra todo mundo que esta em nossa volta
    pq realmente existe pessoas pronta para fazer-nos a desistir do nosso objetivo

    Thumb up 9
    • Acredito q sim Thainã. As vezes é melhor guardarmos nossas intenções e ñ termos ninguém cobrando resultados depois..ou transmitirmos aquele sentimento de derrota qdo ñ conseguimos alcançar nosso objetivo.

      Thumb up 10

Envie um comentário