Um robô de linha de montagem que até pequenas empresas podem comprar… e treinar

Publicado em 20.09.2012

Quando se fala em robôs industriais, as pessoas normalmente não tem ideia do que se trata. Basicamente, se trata de um braço mecânico que custa mais de US$100 mil (R$ 200 mil aproximadamente), que precisa de uma equipe de engenheiros e desenvolvedores de software para programar os movimentos do braço mecânico e integrar o robô em uma linha de produção.

Este tipo de equipamento é proibitivo para pequenas indústrias. Simplesmente o investimento inicial e o custo de ter um robô não compensa os benefícios de eficiência e economia obtidos.

Entra em cena o Baxter, um robô que custa US$22 mil (R$44 mil), com dois braços, e capaz de aprender seu trabalho da maneira mais simples: alguém simplesmente move os braços para os pontos em que ele tem que se mover, trabalho que faz sozinho depois. Ele pode pegar peças, girá-las, soltá-las.

Além disso, o robô tem alguns aspectos interessantes: ele “sabe” que se deixar cair uma peça, deve recomeçar a atividade com outra peça. Também é seguro o suficiente para trabalhar lado a lado com seres humanos, é extremamente flexível, pode ser treinado em 30 minutos, e pode executar diferentes tarefas ao longo do dia, em diferentes partes de uma linha de produção.

Com o preço de um carro, o robô – que não tira férias, não tem custos de previdência e pode trabalhar dia e noite até quebrar sem ficar doente (além de não fazer greves) – tem o poder de revolucionar as pequenas indústrias. Ele não tem a precisão necessária para tarefas exigentes como a soldagem de circuitos, mas pode ser treinado por qualquer um. E o melhor: deve estar no mercado em algumas semanas. [Gizmodo, Rethink Robotics, IEEE Spectrum]

Autor: Cesar Grossmann

Formado em Engenharia Elétrica, é funcionário público, gosta de xadrez e fotografia. Apesar de se definir como "geek", não tem um smartphone, e usa uma câmera fotográfica com filme (além da digital).

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

14 Comentários

  1. Paranóia, será?
    Quando sobrar muita, mas muita mão de óbra, então os verdadeiros donos do mundo vão pensar em depopulação. O direito a vida dependerá da sua importância ao mercado.

    Não tem um life card, POOWWW, menos um.

    Os donos do mundo já estão se sobrepujando às soberanias dos países. Eles controlam a mídia; tem juízes, deputados, senadores, presidentes, ministros em seus bolsos.

    Estão quase conseguindo controlar toda semente de comida. Em breve ninguém terá semente de milho, algodão, arroz, … toda semente produzirá plantas estéreis, como já acontece.

    A internet ficará muito cara e não demorará muito, pois as megacorporações vão exigir um controle muito alto tipo um SOPA novamente com custos proibitivos para se manter open sources. As tecnologias serão de universidades mantidas por estas megacorporações, então não vá pensando que será fácil acessar periódicos ciêntíficos.

    Mas fazer o que? Ninguém está percebendo, todos estão querendo o deus mercado, então se preparem que ai vem a barbárie.

    Thumb up 0
    • Nossa, esse conspiracionismo é digno de aluno do primeiro semestre de ciências humanas, daqueles que passeiam com o livro vermelho no campus. rs

      Deixa eu te perguntar… Quantos seres humanos, hoje, possuem conhecimento e acesso a conhecimento avançado em ciências comparado ao século passado? Melhor ainda, comparada à média do século passado, quantas pessoas são alfabetizadas?

      Eu realmente me nego a acreditar que dar conhecimento e ferramentas para o ser humano pensar em soluções de sobrevivência seja pior do que mantê-lo sob condições de passividade e em empregos de atividade física repetitiva, pior, com um subsalário que é programado pelo governo para ser gasto no mantenimento do próprio governo, não nos objetivos do indivíduo.

      Se você pesquisar bem sobre welfare state perceberá que no presente as máquinas já substituíram o homem em muitos países e nem por isso o homem é um “escravo injustiçado do sistema”, posso citar Dinamarca, Noruega, Suécia, Finlândia e Alemanha… Enfim, as máquinas trabalham pelo homem e o ESTUDO proporciona que a democracia se mantenha de pé para que o homem decida como a estrutura governamental deve se comportar para a redução de corrupção e injustiça social.

      Thumb up 1
    • Para a existência da democracia plena, é preciso antes de tudo liberdade de expressão. É preciso informação imparcial dos fatos. É preciso que se denuncie torturas, e tudo que seja contra o exercício pleno de ser cidadão. Então porque será que o Assange se encontra naquela situação? Você acreditou também que o
      Porque será que muitos jornalistas tem sido mortos na Líbia e Síria? Um detalhe os jornalistas estão sendo mortos pelos “mocinhos”.
      Eu não sou químico, mas o que sustentava as torres do WTC não eram colunas de concreto, eram de colunas de aço. Era um frame inteiro de aço, com detalhes em alvenaria.
      Assim jamais querosene de avião poderia derrete e cortar em ângulos perfeitos todas as colunas de aço, para que as torres caíssem verticalmente. Milhares de engenheiros e arquitetos tem seus pedidos para uma nova investigação negados sobre 11/09.
      Porquê a WTC 7 ruiu as 17:20 h, Oito horas após os “atentados” sem que nada triscasse nelas. E ainda, caiu primeiro as colunas centrais, depois as adjacentes e assim por diante e parecendo que o prédio inteiro fosse sugado para o seu centro.?
      Olhe melhor as fotos do pentagono logo após o “avião” metafísico ter “atingido” o prédio. Onde estão as 24000 kg de turbinas de titâneo, onde estão os rodados, onde estão as marcas da asa, ONDE ESTÁ A P .. A DO AVIÃO? Porque o gramado está intacto?, Porque o gramado foi aterrado DEPOIS? Porque todas as câmeras de restaurantes, postos de combustível, de seguranças tiveram suas gravações confiscadas minutinhos após o “avião” bater no Pentágono?, Porque o “avião” abriu no início só um buraquinho no andar térreo, não deixando marcas de asas na lateral do buraco??
      Porque as maiores potências militares ocidentais, como o Canadá, EUA, Inglaterra, França, Itália, Alemanha tiveram que fazer perto de 11000 operações maciças de intervenção direta, com apoio da mais moderna tecnologia e satélites, armas como fósforo branco e mesmo assim levaram 10 meses a para derrubar o Gadafi? Sob tantos e tantos bombardeios, com todas as fronteiras fechadas, onde nem mesmo os observadores neutros não conseguiram entrar na líbia, Gadafi não comprava armas mas comprava preservativos???
      Você acredita nas histórias da camareira contra Strauss-Kahn bem no momento que se precisa que Sarkosy inicie os bombardeios na Líbia. ??
      Você viu o que sobrou da Líbia? Porque as tropas americanas estão lá agora?
      Milho, a humanidade sempre plantou e colheu milho e guardou suas sementes. Mas te pergunto onde estão essas sementes. Não estou conseguindo encontrá-las. Eu só posso plantar as sementes que dão plantas com milho que não rebrota. Não tenho liberdade de plantar meu próprio fubá. Somos escravos da Monsanto, da Syngenta, e de outras corporações.
      Na India, os agricultores perderam suas sementes de algodão que eram cultivadas por seus antepassados, assim milhares se suicidaram depois de perderem suas terras para a monsanto, e isto tem se repetindo no mundo todo.

      Thumb up 0
    • Bom, se queres argumentar assim, vamos lá…

      Quantos anos a humanidade precisou pra descobrir o massacre dos ucranianos na primavera de 1932?

      Com tão pouca tecnologia popularizada e um regime de força na Rússia, o ocidente precisou de décadas para ter uma noção dos 7 milhões de mortos de fome por ação do governo soviético.

      Hoje, acompanhamos a Síria quase em tempo real, podemos assistir no youtube vídeos de câmeras nos capacetes dos soldados americanos no Afeganistão e qualquer cidadão comum pode filmar um abuso governamental com uma câmera de 1/6 de salário mínimo para exibir ao mundo no mesmo momento.

      Não se trata de tecnologia má, meu caro, o inimigo não é a tecnologia, mas as organizações e governos corruptos.

      Thumb up 1
    • A “depopulação” vai acontecer naturalmente. Alguns países da Europa e o Japão estão experimentando taxas de crescimento vegetativo muito baixas, senão negativas.

      Por um período as populações dos países mais ricos só crescerão pela migração vinda de países mais pobres. Os países mais pobres tem seus pequenos senhores da guerra que matam e tornam miserável a vida neles, o que de certa forma também “controla” a população.

      Se os países pobres conseguirem elevar o nível de vida, naturalmente a taxa de fertilidade e o crescimento vegetativo das populações irá cair.

      No fim, toda a população vai estar empregada em duas grandes indústrias: entretenimento e exploração espacial… Ou não.

    • É o contrário. Os robôs vem fazer trabalhos repetitivos que humanos não deveriam perder seu tempo fazendo.

      Thumb up 5
    • É a valorização do cérebro humano… Quanto mais baratos e de simples programação são os robôs, mais pessoas podem produzir industrialmente com o seu próprio negócio e deixar de serem assalariados.

      Thumb up 4
    • É a desvalorização da mão-de-obra humana não qualificada. Quem quer um lugar na indústria vai ter que estudar, e fazer valer a massa cinzenta.

      Aliás, este fenômeno já está acontecendo, existem vagas na indústria, mas para quem tem qualificação. Ninguém mais vai conseguir emprego como apertador de parafuso…

      Agora, eu imagino o que este robô não vai fazer com as linhas de produção chinesas…

    • Imagina quando começar a 4ª Revolução Industrial com a popularização e sofisticação das impressoras 3D e da nanotecnologia?

      Isso, até vierem as máquinas pensantes!

      Os últimos a perderem os empregos serão os projetistas, os programadores e os cientistas.

      SEJAM BEM VINDOS AO NOVO “ADMIRÁVEL MUNDO NOVO”!

      Thumb up 3
    • Mas a intenção do Homem ao criar máquinas é ser servido por elas.

      As máquinas fazem o trabalho necessário para a vivência confortavel e prazerosa do Homem. Caso clássico: É melhor vc carpir o seu terreno e semeá-lo manualmente ou ter um carro de boi?

      Esse é o objetivo das máquinas, fazer o trabalho pesado! Os ultimos a perder o emprego serão os projetistas e cientistas pq criar uma máquina desse nível de complexidade é o maior desafio (até o momento), mas não que não queiramos chegar a esse nível. Queremos sim!

      Ao Homem restará apenas viver fazendo o que se quer fazer, pois todo o resto já será feito por máquinas que nos servem pontualmente, sem erros e sem falhas. É claro que até chegar em um nível de capacidade SOCIAL pra entender um sistema totalmente novo desse a humanidade (sociedade) terá que aprender muito… mas adianto a premissa da lição aos nobres leitores desse site:

      Se trata de ver o capitalismo como DESENVOLVIMENTO e não como meio de LUCRO.

      Capiche?

      Por isso, seja bem vindo Baxter!

      Thumb up 3
    • Concordo plenamente!

      O problema é que isso causará um grande impacto na economia global; assim como a internet causou com a indústria da música e está causando no comércio; e os softwares livres estão causando na indústria do software.

      Parece que tudo no mundo está virando informação; quando a impressão de objetos 3D se popularizar também e ficar mais sofisticada, o preço de muitos produtos irá cair drasticamente, afetando grande parte da indústria.

      Não que isso seja algo ruim; na verdade, a produção em massa de produtos mais baratos vai beneficiar a grande maioria da população mundial; mas, acredito que a economia terá que se adaptar de alguma forma.

      No sistema capitalista, a principal função do homem é consumir e não produzir (podemos deixar isso, na medida do possível, para as máquinas).

      Quem sabe, no futuro, as pessoas simplesmente receberão uma verba (em forma de dinheiro eletrônico) do governo para poderem consumir, mesmo sem trabalhar; tipo um seguro desemprego por tempo indeterminado!?

      E para quem acha que isso ainda está muito longe:

      http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=quarta-revolucao-industrial-era-das-maquinas-livres&id=010170120922

      Thumb up 0

Envie um comentário

Leia o post anterior:
20120917111050-0
Vídeo: elétrons viajando quase a velocidade da luz

Equipe do MIT desenv...

Fechar