10 estranhas condições psicológicas que podem aparecer repentinamente

Por , em 27.03.2016

O corpo humano é estranho e maravilhoso, mas o cérebro é ainda mais incrível, principalmente no quesito esquisitice. É só pesquisar em revistas de psicologia para perceber que nossas mentes são capazes de tudo. Confira 10 distúrbios que apareceram repentinamente para essas pessoas:

10. Parar no tempo

condicoes psicologicas 10
Quem não quer parar no tempo, especialmente se este tempo for uma época boa da vida? Mas se uma mente infantil de repente se materializasse em um corpo adulto, isso poderia ser muito confuso. Naomi Jacobs, então com 32 anos, passou por essa terrível confusão em 2008, quando acordou uma manhã sem se lembrar de nada dos últimos 17 anos.

A última coisa que ela se lembrava aconteceu quando ela tinha 15 anos. Ela estava subindo no beliche que dividia com a irmã, tentando não se preocupar com uma prova que teria na escola na manhã seguinte. Pelo seu ponto de vista, ela dormiu como uma adolescente e acordou como adulta. Para piorar, ela não reconhecia nenhuma tecnologia do século XXI e não se lembrava que tinha um filho de 10 anos.

Esse período todo foi apagado de sua cabeça depois de uma década vivendo na rua e de uso abusivo de drogas. Sua mente foi apagada por motivos psicológicos. Seus médicos acreditam que ela estava tão estressada ou traumatizada com seu passado (incluindo abuso sexual na infância) que seu cérebro apagou todas essas memórias para se proteger.

9. Enxergar uma dimensão extra

condicoes psicologicas 9

Quem sofre de cegueira estéreo simplesmente não consegue enxergar a terceira dimensão. Isso quer dizer que ela não vê profundidade, o mundo todo é como uma fotografia. Normalmente quem tem esse problema, teve estrabismo até os quatro meses de idade. O cérebro ignora a imagem fornecida por um dos olhos e não percebe a profundidade. Então esta parte do cérebro nunca se desenvolve corretamente.

Bruce Bridgeman, que estava acostumado a ver o mundo em 2D, um dia foi ao cinema mas descobriu que o filme que queria ver só estava disponível em 3D. Irritado por ter que pagar mais por uma coisa que nem poderia aproveitar, ele entrou na sala. Ele nunca imaginaria que os exercícios feitos por seu cérebro durante o filme fariam que sua visão se normalizasse como um passe de mágica.

Ele saiu da sala de cinema enxergando tudo em 3D. Seus médicos acreditam que ele já tinha desenvolvido essa habilidade antes, mas que por algum motivo ela não tinha sido “ativada”. A experiência com o filme em 3D fez com que ele “pegasse no tranco”. Que ótimo upgrade!

8. Ser obrigado a fazer piadas sem graça

risada falsa
Imagine perceber que você não consegue se controlar e que não para de soltar piadinhas sem graça. Isso acontece por dias, meses, anos, é um pesadelo sem fim. Se você acha que pelo menos na hora de dormir vai ter um descanso, está muito enganado. Quem sofre desse distúrbio pode até acordar rindo de piadinhas que ele contou nos sonhos.

Essa condição se chama Witzelsucht, e o seu primeiro caso foi registrado em 1929. O neurologista alemão Oftrid Foester estava removendo um tumor do cérebro de seu paciente quando ele começou a contar péssimas piadas compulsivamente.

Desde então, outros que sofreram danos aos lóbulos frontais também mostraram os mesmos sintomas.

7. Explosões dentro da sua cabeça

condicoes psicologicas 5
Você já acordou no meio da noite com um barulho alto, para depois perceber que foi sua imaginação? Sem saber desse distúrbio, muitas pessoas acreditam que estão ficando loucas.

A “síndrome da cabeça explosiva” pode afetar qualquer pessoa a qualquer momento, apesar de ser mais comum em pessoas maiores de 50 anos. Alguns dizem só terem sentido isso uma vez na vida, enquanto outros dizem que têm essa sensação noite após noite.

A melhor explicação para isso é que quando o cérebro está passando do primeiro estágio do sono – sonolência – para o próximo, há um defeito no sentido de audição. O cérebro interpreta que há uma explosão, que acaba acordando o indivíduo.

6. Ter o membro de outra pessoa em seu corpo

condicoes psicologicas 6
Imagine que você acorda uma manhã e descobre que um cirurgião entrou no seu quarto no meio da noite e fez uma operação horrível em você. Ele transplantou o membro de outra pessoa em você, como um braço. Para piorar o cenário, esse membro não é controlado por você.

Essa condição raríssima é chamada de somatoparafrenia, e ocorre com mais frequência quando há um dano na parte direita do cérebro. Quem sofre disso fica convencido de que seus membros não são seus.

Enquanto alguns consideram que seus “novos membros” são implantes alienígenas, outros acreditam que eles pertencem a pessoas específicas. Esse desespero pode levá-las a querer amputar essa parte do corpo.

5. Encontrar a sua cópia

cópia
Há 20 anos, o médico Peter Brugger relatou ter encontrado um paciente de 21 anos de Zurique que diz ter encontrado sua cópia. Ele havia parado de tomar um remédio para convulsão e passou a manhã bebendo muito. Até que, muito tonto, ele se levantou e viu uma cópia dele mesmo deitado em sua cama. Ele começou a gritar até que percebeu que estava deitado na cama, vendo a si mesmo gritar com ele.

Sem saber o que era real e o que não era, ele pulou da janela do quarto andar do prédio, mas sobreviveu à queda.

Essa situação é extremamente rara, mas não única. Este jovem tinha um tumor na parte esquerda do seu lóbulo temporal. Outros relatos parecidos também vieram de pessoas com danos na mesma região do cérebro.

4. Perder a habilidade de lembrar das coisas

dentista 2
Você odeia ir ao dentista? Então pule esta condição psicológica. Em 2005, um soldado chamado William foi ao dentista para resolver um problema no canal. Assim que ele recebeu a anestesia local, perdeu a capacidade de formar novas memórias.

Ele foi levado às pressas para o hospital, e os médicos achavam que ele tinha tido uma reação à anestesia. Mas não encontraram nada de errado com o corpo dele. O problema estava todo na mente. Até hoje, ele só consegue reter informações dos últimos 90 minutos. Todo o resto desaparece.

3. Perder a habilidade de entender como espelhos funcionam

teste espelho
Agnosia é a perda ou deterioração da capacidade de reconhecer pessoas, objetos e sons, mesmo com a visão, audição e tato intactos. Um desses casos é quando a pessoa se olha no espelho e não se reconhece e não entende mais como os reflexos funcionam.

Em um dos casos, o médico colocou o paciente na frente do espelho e ficou atrás da pessoa com uma maçã na mão. Ele pediu para o paciente pegar a maçã. Ao invés de se virar para trás para pegar a fruta, a pessoa tentou pegar a maçã de dentro do espelho. Esse problema começa depois de um dano cerebral e não há cura.

2. Coração no lugar errado

coracao batendo caixa
Um homem chamado Carlos passou por uma cirurgia para colocar uma pequena bomba para ajudar os músculos do seu coração. Esse equipamento foi colocado no seu abdômen, mas conforme ele “batia”, Carlos sentia uma enorme agonia.

Seu cérebro começou a ficar confuso com a sensação de ter “dois corações”, e ele parou de sentir a região do seu peito. Ele também perdeu a noção do tamanho dessa parte do corpo e começou a acreditar era muito maior que na realidade.

Ele também relatou outras mudanças inesperadas. Ele não sentia mais empatia por pessoas com dor e perdeu outras habilidade sociais, como entender a motivação por trás da ação das pessoas.

1. Perder a habilidade de dormir

condicoes psicologicas 1

Não, não estamos falando da insônia comum. Quem sofre de “insônia familiar fatal” enfrenta um enorme problema. Esse transtorno é muito raro e ocorre com mutações genéticas. O paciente perde completamente a habilidade de dormir.

Em alguns casos, esse problema não tem solução, e a pessoa passa a se comportar como se estivesse sonhando de olhos abertos, fazendo movimentos repetitivos como se estivesse penteando o cabelo ou vestindo uma roupa imaginária. Eles perdem a habilidade de falar e andar. Depois de alguns meses sem dormir, eles finalmente fecham os olhos para o sono eterno.

Depois dessa descrição digna de um pesadelo, vem aqui uma boa notícia para a maioria de nós: apenas 40 famílias no mundo todo têm essa mutação genética. Mesmo alguns membros dessa família podem nunca desenvolver o problema, e ter uma vida completamente normal. Mas não deve ser fácil viver sabendo que a qualquer momento esse transtorno pode começar.[ListVerse]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)

Deixe seu comentário!