7 Mitos da medicina nos quais até médicos acreditam

Por , em 25.01.2012

Um estudo publicado na Grã-Bretanha, em 2007, levantou uma questão que preocupa os profissionais da área: mitos e ideias do senso comum, a respeito de saúde, que romperam a esfera da crença popular, e até os médicos passaram a acreditar. Confira sete destes mitos:

7 – Raspar os pelos os faz crescer mais rápido, duros, grossos e crespos

Já em 1928, um estudo resolveu fazer a comparação entre pelos raspados frequentemente e pelos deixados por fazer, e descobriu que não existe diferença nenhuma. O que dá essa impressão é o fato de que as frequentes raspagens vão paulatinamente desgastando apenas as pontas da barba. Quem não deixa crescer muito e só costuma ver a ponta da barba acaba achando que ela está crescendo mais grossa.

6 – Devemos beber no mínimo dois litros de água por dia

Uma das clássicas receitas para a boa saúde é manter a hidratação, bebendo no mínimo dois litros de água por dia. Não existe, no entanto, nenhuma evidência médica de que precisemos de uma dose tão alta assim. O necessário são dois litros de fluído, mas nessa conta também entram quaisquer outras bebidas, além de frutas e verduras, o que diminui a exigência de água.

5 – Unhas e cabelos ainda crescem após a morte

Isso é fisicamente impossível. A impressão que temos ao ver um cadáver de unhas e cabelos e compridos é devido à pele. Após a morte, o tecido da epiderme se retrai e encolhe, o que deixa cabelos e unhas em evidência.

4 – O ser humano só usa 10% de sua capacidade cerebral

Ressonâncias magnéticas e tomografias computadorizadas vasculham minuciosamente cada setor do cérebro. E garantem que não existem partes inativas dentro de nossa caixa craniana, muito menos 90% de toda essa massa. Até um exame detalhado, neurônio por neurônio, não detecta pontos inutilizados em nosso cérebro. O mito teria surgido, segundo os pesquisadores, de programas intelectuais do início do século XX, que incentivavam a população a estimular mais o próprio cérebro.

3 – Ler no escuro prejudica a visão

Poucos mitos foram tão difundidos quanto a ideia de que ler com baixa luz no ambiente “força a vista”. Mas também não existe nenhum indício científico de que possa haver algum dano permanente. No máximo, os olhos ficam cansados pelo esforço, mas após uma noite de sono já estão prontos para outra.

2 – Cesariana é o melhor tipo de parto

A possibilidade de fazer o bebê nascer com um simples procedimento cirúrgico, ao invés do dolorido parto tradicional, foi muito bem vinda por mães e obstetras do século XX. Tanto que muitas mulheres simplesmente passaram a descartar o parto normal, mesmo que fosse completamente viável. A cesariana, na verdade, é um procedimento que envolve diversos riscos, como infecções e complicações cirúrgicas. O ideal é apenas recorrer à cesariana quando o parto normal for confirmadamente arriscado, para a mãe ou a criança.

1 – Celulares são perigosos em hospitais

Foi comprovado que os telefones celulares em funcionamento afetam cerca de 4% dos equipamentos de hospital, mas só se estiver a menos de um metro de distância do aparelho. Caso contrário, não há nenhum dano em usar o celular no ambiente hospitalar. Um estudo recente vai ainda mais longe: 300 testes foram feitos com celulares em mais de 75 salas de tratamento médico, e não houve uma interferência sequer. [LiveScience]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 5,00 de 5)

95 comentários

  • aesirslayer:

    Creio eu que “Capacidade Cerebral” implica capacidade de desenvolvimento enquanto ser humano, diferente de “Abragência da Massa Encefálica” em uso.

    Vejam bem, qualquer atividade que fazemos, não importa a natureza, seja física ou mental, envolve o uso da massa encefálica como um todo, ou seja, em tudo o que fazemos usamos o cérebro, mas isto não significa que nos desenvolveremos com capacidades plenas em tudo.

    O desenvolvimento da capacidade humana em relação às várias atividades existentes ou eminentes, estão diretamente ligadas ao quanto exercemos a correlação interneurônios, entretanto, a capacidade humana se desenvolve na medida que exercitamos determinado complexo sináptico relacionado a determinada função exigida em qualquer tipo de atividade, física ou mental.

    Um músico aumenta suas habilidades à medida que exercita rotineiramente todas as técnicas almejadas, que estão diretamente ligadas à coordenação motora exigida pelas técnicas, assim como algumas condições musculares, como resistência e força, que não diretamente relacionadas ao desenvolvimento cerebral em si.

    Assim como alguém que tem uma boa memória, trabalha rotineiramente em maneiras de aumentar suas habilidades, através do exercício funcional da memória, aumentando assim a força sináptica entre os elos neuroniais envolvidos em tal atividade.

    Portanto, acho que existem duas formas de desenvolvimento, o primeiro almejando a conclusão dum objeto em si, sendo o segundo o que almeja o desenvolvimento amplo de todas as capacidades humanas, exercitando a correlação de vários elos neuroniais, rementendo a um desenvolvimento mais amplo do que o mero desenvolvimento objetivo.

    O primeiro tornaria uma única capacidade extremamente desenvolvida, enquanto o segundo desenvolveria o maior gama possível de capacidades humanas genéricas, logo, em termos de “Capacidade de desenvolvimento cerebral” o segundo se encontraria em condições mais desenvolvidas do que o primeiro.

    Portanto, deste modo, seria possível conferir que existe diferença entre o “Uso da massa encefálica geral” com “Capacidade cerebral de fato”.

  • Joce Stecanela Klug:

    Eu ainda acredito que a cesária é a melhor forma de parto para a mulher. e nos altos índices de morte da mãe em parto natural ninguém comenta né?

  • Luis Aramis:

    “O necessário são dois litros de fluído, mas nessa conta também entram quaisquer outras bebidas, além de frutas e verduras, o que diminui a exigência de água.”

    >>Face Palm.

  • Costa:

    Se até os médicos acreditam em ‘mitos’ (mentiras), estamos perdidos. No caso dos dois litros de água, eles dizem: “O necessário são dois litros de fluído, mas nessa conta também entram QUAISQUER OUTRAS BEBIDAS….. Os alcoólatras vão achar que cerveja, cachaça, e coisas do gênero também valem.

    • Leonardo Brasil:

      Os alcoólatras eu não sei, mas os bem informados acharão que cerveja pode entrar nesta lista sim! A cerveja é rica em antioxidantes, vitaminas, minerais, água e fibras provenientes dos cereais utilizados em sua produção, de modo que ela pode sim fazer parte de uma dieta saudável. Só que, claro, deve ser consumida com moderação!

    • Washington n:

      Falar em cerveja poder ser bebida com moderação é como sugerir que maconha com moderação faz bem. É óbvio que maconha tem sua utilidade medicinal(tratamento de leucemia, por ex), mas o uso não pode ser incentivado. Por quê? Porque os efeitos maléficos são maiores do que os benefícios. Isso se enquadra perfeitamente no uso de bebidas alcoólicas. Cerveja é um grande mal na sociedade, pois subestima todas as tragédias originadas da bebida, como o risco do vício no álcool, acidentes no trânsito(MESMO em pequena quantidade) e outras coisas que todo o mundo está cansado de saber. Mas insistem que uma “cervejinha” é muito boa. Gosta de cerveja? Melhor dizer com todas as letras que é adepto de droga. Álcool é droga.

    • Xavier Camino:

      Entendi o que quis dizer, mas vale lembrar ou informar que, na prática existem uma vasta gama de bebidas alcoólicas que contribuem, e muito, tanto para nutrição como para hidratação.

    • Renato Miranda:

      Cara, pelo que eu sei a CERVEJA DESIDRATA.
      Recomendam até que se beba bebendo agua junto. por que a cerveja é diurética, e vc faz muito xixi e acaba eliminando na urina sais minerais e o organismo não absorve liquidos ficando assim desidratado. O Alcool “suga” a agua do sangue. haeueahuae

    • Renato Miranda:

      Cara, pelo que eu sei a CERVEJA DESIDRATA.
      Recomendam até que se beba água junto. por que a cerveja é diurética, e vc faz muito xixi e acaba eliminando na urina sais minerais e o organismo não absorve líquidos ficando assim desidratado. O Alcool “suga” a agua do corpo. HELO!!!! Diga não as drogas manolo.

  • Njonas Machado:

    A dos 10% do cérebro é verdadeira,usamos várias áreas mas nâo com intensidades grandes como outras, podem apostar!

    • Thiago Silva:

      @Nijonas Machado>> O cérebro é utilizado em toda sua região física, principalmente quando estamos dormindo.
      Não estou com nenhum estudo em mãos agora para te mostrar, porém acredito que se fizer uma pesquisa simples sobre neurociência/mapeamento do cérebro, verá que o cérebro é utilizado por completo.
      Ou seja, essa de usar só 10% do cérebro é um mito =)

      O que pode ser verdade é que algumas pessoas desenvolve uma capacidade cognitiva superior a outras pessoas, e isso se dá por vários fatores!

      Abraços 😉

    • Lucas L.:

      Thiago Silva 10% da capacidade não significa 10% da massa encefálica amigo! Entenda a diferença, você está se equivocando da mesma forma que a editora que publicou essa matéria!
      Você pode estar usando a massa encefálica como um todo, mas usando apenas 10% da capacidade!

  • Léia:

    Com relação às pesquisas, sinto informar que tenho como prvar que os pelos crescem mais e realmente engrossam com as raspagens.

    Desde minha adolescência raspo apenas à parte da perna do joelho para baixo deixando a de cima.

    Do joelho para baixo os pêlos são escuros e grossos e se não raspá-los ficam como se minhas pernas fossem de um homem. Do joelho para cima os pêlos são loiros e finos (quase que imperceptíveis).

    Então; essas pesquisas aqui com relação aos pêlos não levarei em consideração, porque, há mais de 25 anos, sou prova disso e me arrependo de um dia, ter iniciado a raspagem.

    COMENTÁRIO FEITO EM: 7 Mitos da medicina nos quais até os médicos acreditam

    Já foi parar em outra matéria e o encontrei antes de ser publicado por isso a observação.

    • Cesar Crash:

      Interessante, mas há que se avaliar se não há um dismorfismo natural entre os pelos da coxa e da canela e te questionar o que te levou a fazer a raspagem somente abaixo do joelho e não acima.

    • Leticia:

      Os pelos crescem “mais grossos” porque você raspou e não retirou o bulbo capilar (ou do popular, a raiz). Então a partir do momento que você raspou os pelos, a parte mais proxima da pele é grossa, por isso percebemos que os pelos “engrossaram”.

    • William Sciacca Garcia:

      Bom, e o que dizer para os homens que nunca se depilaram e também tem os pelos da coxa mais finos que os da canela? Eu já pude perceber que as regiões que sofrem mais atrito pela calça são as que tem os pelos mais finos, ou até ficam sem pelo. Tu provavelmente também usa calça e deve passar um bom tempo sentada, ainda mais que como mulher as calças são bem mais justas do joelho para cima.

  • anonymo:

    e eu que penssava que minha barba iria ficar cada vez mais grossa e crespa, agora eu vou papar todos os dias kkk

  • luana:

    já está mais do que provado que não usamos apenas 10% da capacidade de nosso cérebro,se alguns médicos ainda acreditam nisso é porque certamente estão desatualizados..
    o fatod e médicos acreditarem em mitos não quer dizer nada afinal eles não são donos da verdade.

  • maria severina do nascimento mascarenhas:

    Gostei das notas referentes aos mitos.
    Desperta interesse para mais pesquisa sobre esses assuntos. Todavia entendo que cirurgia cesariana só se realmente for necessária.
    Muitas pessoas acreditam nos mitos e continuarão a acreditar.

  • Six:

    Deveríamos ter o hábito de sempre revisar nossas crenças, conceitos e opimiões.
    Estamos sujeitos a cometer equívocos.
    Os mitos que até médicos acreditam me levam a crer que vivemos no planeta dos equivocados.
    Talvez por isso o grande Raul Seixas disse que preferia ser “essa metamorfose ambulante do que ter aquela opinião formada sobre tudo”.

    • Adler:

      Graças a matérias como essa estamos aos poucos mudando nossas opiniões. Muitas crenças antigas estão causando mtos danos a nós e a nosso meio ambiente.

  • AZTECA:

    Ao HS
    Aonde está o resto dos comentários postados ?
    Ontem à tarde eles eram cento e poucos,muitos dos quais bem
    enquadradinhos nas regras de vocês.
    Será que foram deletados também?

  • Marcos:

    Sobre crescer pelos em cadaveres, existem alguns embalsamados que o responsável pelo museu tem que fazer a barba dele.

  • Brenner:

    Até médicos?

    • Cesar Crash:

      A matéria é traduzida do inglês e o link para a fonte está logo em baixo do texto, no [LiveScience] escrito em azul.

  • Roberto:

    parabéns a todos pelos comentários,a propria ciência nega muita coisa que mais tarde ela mesma afirma que é real,conheci uma senhora que foi mãe de 22 filhos tudo normal,alimentação com banha de porco,rabada,angu e tudo que tinha direito,hoje as filhas e as netas tiveram seus filhos tudo de cesarianas,com comidas bem diferentes,o engraçado é que,a matriarca bebia três litros de leite por dia e um copo de água com açucar nunca água pura.quanto a barba eu faço depilação e ela continua crescendo,porém mais fina,o cérebro é de acordo com a pessoa penso eu,essa questão dos 10% é tudo teoria,como se explica uns tão avançados e outros tão lentos?JESUS tinha e tem o cérebro mais rápido que sabemos, e os grandes vultos da ciência,da filosofia, da arte sem contar como foram erguidas tantas coisas que ninguém consegue explicar,pessoal me perdoe meus devaneios ,por vezes meu pensamentos vai além do planeta terra.

    • MARCELO PEREIRA PRATES:

      Falo homem do espaço!!!!
      DÊ um braço em seus amigos extra terrstres por mim.
      Fui..

  • claudemir da silva:

    no fundo todas as esplicações ai tem fundamento

  • ANILSON TADEU MARTINS:

    Muita informação furada !

    • Higher:

      Só isso, é só desmerecer o post com essas palavras e pronto ?

      Já que as informações são furadas, tenho a certeza de que o senhor pode nos explicar o porquê não é mesmo ?

  • Ana Lourenço da Rosa:

    Hoje vou arriscar um COMENTÁRIO sobre os novos comentaristas que colocam os seus nomes completos, suas profissões, bem como as instituições de trabalho(direito do trabalhador); desde que não a envergonhe com ofensas. Citando com orgulho a cidade onde reside, estado (…). Dessa forma, se justifica a nossa leitura do artigo a ser comentado do presente site e com maior interesse em conhecer opiniões de uma listagem de pessoas “altamente inteligentes” que não têm medo das suas colocações, bem pontuadas sobre diversos assuntos de seus domínios científicos. Parabéns ao site pela possibilidade que nos deu de conhecer novos parceiros de comentários de grande valor educativo. Com referência ao artigo ora lido, de um modo generalizado concordo com a maioria dos comentários que li. Pois a ciência é muito dinâmica e com os avanços tecnológicos (tempo real), as surpresas já não nos impressionam mais. Isso não querendo dizer que tudo o que era ou foi dito deva ser considerado como uma mentira proposital (nem tudo); daí mais uma justificativa da importância deste site. Ana Lourenço da Rosa/Bióloga/Pedagoga/Fitoterapeuta/Tocantins/Brasil.

    • clara:

      Pra vc que é Bióloga/Pedagoga/Fitoterapeuta fica fácil,
      agora pra diarista, ou pra merendeira não fica tão fácil.
      Além do mais muitos vão mentir, vc pode estar mentindo.

      Clara Dias/Merendeira/Rio Branco/Acre

    • Cultura ateísta:

      Acho isso uma tremenda frescura.Eu mesmo tenho maior vergonha de dizer aonde eu moro. Acho que esse tipo de coisa só serve para separar e criar preconceitos entre determinado grupo de pessoas.

    • Vitor:

      Não é muito “saudável” dizer onde mora…se é que me entende.Tem maluco pra tudo!

    • Ezio Jose:

      O problema, Victor, é que têm muitas pessoas displicentes, ingênuas que vivem desligadas da realidade. Como dizem comumente: “vivem no mundo da lua”. Acha que podem abaixar as calaças, ficar de quatro que ninguém vai atacá-lo. Pior não é ser ingênuo, pior é expressar a ingenuidade com vocábulos que denotam uma certa cultura.

    • Eugénie Martinière:

      Ana, perdão, mas também vou arriscar – melhor, vou questionar: Você falou tudo isso para parabenizar o site ou para se auto-promover? Pergunto isso porque (exceto a Clara) nenhum comentarista postou sua profissão – somente você.
      Ainda: por que você colocou entre aspas (“”) a referência “altamente inteligentes”?

  • deio:

    outro mito é q descabelar o palhaço faz crescer pelo na mão.
    Minha mão nunca ficou peluda, a de alguém já

    • Marcos B.:

      descabelar o palhaço??? Quanta subjetividade. Por favor, seja mais elucidativo.

    • Elcio RS:

      Talvez ficasse melhor “enforcar o ganso”, não?

    • Ezio Jose:

      Quem sabe!… Poderia ser: “depenar o sabiá”

  • Washington:

    A parte de beber 2 litros de líquidos continua sendo mentira. Cada pessoa possui uma necessidade. Um homem de 45 anos sedentário não precisa da mesma quantidade de líquidos de um homem de 45 anos que gosta de correr durante meia hora.

    A melhor maneira de avaliar as necessidades de líquido parte do bom senso. Será que tomei algum copo d’água hoje? Sede é outro indicativo.
    É normal também que quando demoramos a tomar água, expelimos pouca urina e ainda fica amarelada e com um odor bem pior(concentração de ácido úrico).

  • Sónia Fernandes:

    Bom essa da água pode não valer em muitas partes do mundo mais aqui em Africa, meus queridos garanto que é indispensável, não é a toa que grande parte da agua existente na terra esta precisamente neste continente.
    Por outro lado o artigo fala e bem que o parto poe cesariana só deve mesmo ser em ultima instancia.
    Se assim não fosse em vez do orificio vaginal Deus teria nos colocado um rasgão em plena barriga com um fecho tipo ziper pra cada vez que a gente tivesse que dar a Luz.

    Me desculpem sou mãe de 2 partos normais, doeram pra caramba, mas ainda acho que essa de recorrer a cesariana pra cada parto é frescura ocidental.

    Imagina um casal que quer ter uma familia com 5 ou 6 filhos qual quer dia abre a barriga e ela não fecha mais.
    Desculpem a franqueza pode parecer estupidez, mas Deus fez o mundo perfeito e deu ao homem inteligencia para contornar situações criticas e graves de saude. Daí a fazer dessas situações prartica corrente é absurdo.

    • gloria:

      Sonia em q século vc está? Acorda p\ vida menina.Deus ñ tem nada a ver c\ a ignorancia das pessoas.Cesariana ñ é escolha é necessidade do nosso tempo, anestesia tbm.Peito de silicone, preservativos, cirurgias plasticas e reparadoras,cosméticos, dietas e tudo q possa tornar a vida menos dolorosa, se vc gosta de sofrer e sentir muita dor ,problema seu.Tem gente q se bate c\ chicotes de pontas estreladas de ferro até lanhar-se inteiro , problema dele se gosta e acredita , mas eu e as outras pessoas podemos ñ gostar, respeitamos o gosto e a fé de outros, respeite a nossa decisão vc tbm.

    • Amigo:

      gloria, isso é egoísmo. Então, em nome do seu conforto, você exporia um bebê a riscos? Entre outros riscos, a anestesia, que alivia a dor da mãe, chega também ao frágil bebê.
      Muita coisa que torna a vida “menos dolorosa” acaba prejudicando os órgãos internos, começando pelos pobres dos rins e fígado, que tem de trabalhar duro para limpar o organismo e finalizando, talvez, com um câncer por conta de tanta química ou morte por conta de uma cirurgia estética feita apenas por vaidade.
      Já tem algum tempo que descobriram que muitas dessas coisas que você citou podem sair caro ao organismo. Hoje o “must” é ser natural.
      Se cuida!!!

    • Fausto O’Dvor:

      Glória.

      Tem tanta coisa errada aí que nem sei por onde começar.

      “Cesariana ñ é escolha é necessidade do nosso tempo”
      Você não leu a matéria? A cesariana não é recomendada pra todos os partos, e isso pelos olhos da própria medicina.

      “anestesia tbm”
      A anestesia é útil, porém não é uma necessidade, e em muitos casos nem é viável, tendo em vista que sendo uma química pode haver (em alguns casos, vai haver) reações adversas, muitas delas fatais e também há aqueles que possuem alergia ou tem alguma debilidade no corpo que impossibilita o uso de determinadas anestesias.

      “Peito de silicone”
      Você quer dizer que, só por causa de padrões estéticos modernos estipulados por determinado grupo (tenha em vista que isso não é um sinal de beleza universal) toda a mulher necessita se auto-impor a uma cirurgia de aumento dos seios? Isto é uma questão de gosto, a mulher que quer aderir a isso, que conheça e assuma o risco que isso representa (pesquise, isso não é nada saudável) e a que não quiser que seja respeitada e valorizada por sua beleza natural. Recomendo que coloque silicone preferencialmente aquelas mulheres que tiveram os seios destruídos por causa de doença ou acidente, ou no caso de má formação dos mesmos.

      “preservativos”
      Não é uma questão de necessidade, é apenas aconselhável para aqueles que têm/terão relações sexuais com pessoas das quais possuem (ou têm o risco de possuir) doenças venéreas ou para fins de contracepção.

      “cirurgias plasticas e reparadoras”
      As que visam à estética são totalmente dispensáveis, não é uma questão de vida e sim apenas questão de gosto. Já as reparadoras em alguns casos são necessárias pra evitar doenças futuras, mas há casos em que não faz diferença nenhuma no paciente. (pesquise, existem várias pessoas com deformidades ou má formações que não ligam de ser assim e são bem felizes).

      “cosméticos”
      Algo com o fim meramente estético, e em alguns casos até os farmacológicos são dispensados.

      “dietas”
      Há pessoas que sofrem por fazer dietas e há pessoas que sofrem por não fazê-las. Sendo assim dieta não significa necessariamente ausência de dor ou sofrimento.

      “tudo q possa tornar a vida menos dolorosa”
      A dor é um fenômeno físico totalmente natural e vital, e não deve ser visto com maus olhos. As dores que devem ser evitadas são aquelas que podem ocasionar morte, todas as outras podem ser suportadas sem grandes dificuldades. A dor serve pra nos proteger e pra aprender-mos com ela. Se você possui alguma dor crônica ou aguda, o correto não é tentar elimina-la e sim encontrar a fonte da mesma e tratar.

    • Vitor:

      Concordo contigo, Sonia!! Já ouvi uma mulher perguntando o que ela vai ESCOLHER : normal ou cesariana? Absurdo! Cesariana é uma cirurgia e oferece riscos como qualquer outra.

    • Fausto O’Dvor:

      Sónia Fernandes.

      Visto que você disse isso “mais aqui em África, meus queridos garanto que é indispensável, não é a toa que grande parte da água existente na terra esta precisamente neste continente.”, Não sei em que parte do continente africano você acha que está, porém o problema que mais se destaca na África, é a escassez de água causada pela grande extensão de áreas com climas áridos e pela pobreza da hidrografia. Em quase todo continente africano é difícil obter água potável, isso é observado em locais de muita pobreza, aspecto que caracteriza quase todo o continente, em geral, a população tem acesso à água sem tratamento, mesmo nas grandes cidades, o que contribui para a disseminação de doenças.

      Com respeito ao que você disse sobre parto, vejo que a sua maneira de expressar-se não condiz com os padrões estabelecidos para uma argumentação efetiva. É sabido que o parto natural é através da genital feminina e que qualquer outro meio não natural representa algum grau de risco maior e sendo assim é aconselhável apenas em casos específicos. Porém dá-se a liberdade de escolha a paciente. Não é necessário fazer menção a divindades e nem a localização e formação de alguma parte do corpo.

    • Rosana Oliveira:

      Sinto discordar da parte de a “cesariana é frescura ocidental”. (na verdade não sinto nada =P)
      Antigamente, há pouco mais de 100 anos atrás e até hoje em dia, muitas crianças morriam e morrem porque não era possível nascer através de parto normal, seja porque a cabeça estava mal posicionada, o cordão umbilical enrolado no pescoço, mãe infectada com HIV, etc.
      Tenho um primo com paralisia cerebral justamente porque os médicos queriam a qualquer custo que ele nascesse através de parto normal, sendo que a cesariana era o mais indicado pro caso.
      Cesariana foi uma evolução. Realmente não concordo com o abuso da mesma a ponto de excluir o parto normal.
      Deus pode até ser perfeito, mas a natureza não é. É passível de erros e a cesariana veio para contornar esses erros.
      Feliz de você, que não teve partos com tais complicações.

    • Joce Stecanela Klug:

      Concordo!!

  • Almanakut Brasil:

    8º – Hipócrates já trabalhou de graça e nunca fez greve – 9º – O CRM não é corportativista – 10º – O SUS também realiza tratamentos para políticos e empresários…

  • Victória:

    Agora minha mãe não tem desculpa pra não me deixar le de lanterna.A matéria é ótima e nos ajudar a entender melhor a medicina eu não sabia a da leitura e da água!

  • Alex23Karma:

    Discurso medico é uma coisa complicada!!

  • Eduardo:

    Sobre os cabelos após a morte: cresce sim!Pergunte a qualquer técnico de anatomia!

    • Rosana Oliveira:

      A unha é só impressão, mas os cabelos crescem mesmo, pois são os últimos tecidos a deixarem de receber nutrientes.

      Só achei esse artigo muito superficial, não explica o porquê.

  • Magda Patalógica:

    Quanto a tese que afirma:
    “O ser humano só usa 10% de sua capacidade cerebral”

    Eu concordo só se for pela capacidade de pensar e raciocinar.
    Tem nego que não gosta de pensar e aceita tudo que vê e tudo que ouve.
    Seja no jornal, na TV, na Bíblia ou nas conversas.
    Não vai além, não gosta de pesquisar e não questiona as coisas.

    Esses geralmente só têm “certezas”.

    Fui

    • Patricia:

      Às vezes olho para uma pessoa falando e penso: ” essa não está entre os que usam 10% do cérebro. “

  • Vitor:

    Confesso que me sentí mais burro…essa da água e do celular. M dá zero!

  • pedro:

    se existem medicos que acreditam em mitos,nao deviam ser medicos, eu prefiro um medico ateu, a um que tenha algum tipo de crença religiosa ,pois acho que pode interferir na sua analise cientifica .

    • Cesar Crash:

      O engraçado é que são justamente os que não acreditam em nenhuma religião que têm sempre que botar a @#$% da religião no meio!

    • Rosana Oliveira:

      Engraçado que nenhum desses mitos tem a ver com religião.
      Opa! Sua teoria foi ladeira abaixo. =D

  • gloria:

    Tive 2 filhos o primeiro parto normal, quase q meu filho morreu, ele passou da hora de nascer, levei 30 pontos pois ele era muito grande e eu ñ tinha passagem p\ ele, na segunda gravidez eu ñ quiz saber d parto normal eu marquei o dia c\ antecedencia fui pro hospital fiz a cesariana a laqueadura junto, fiquei 2 dias , voltei p\ casa. Tudo muito melhor q da primeira vez. E essa história d q tem q beber 2 litros dàgua é mentira, se bebo um pouco a mais d agua fico tendo soluços sem parar e arrotando a agua por causa da hernia de hiato, e me dá azia, o q é bom p\ um pode ñ ser bom p\ outros, beber 2 litros tem q ir no banheiro a todo instante e nem sempre há lugar c\ banheiro p\ usar

    • Jessica:

      Acho que cada caso é um caso, no seu até acredito em médico mal preparado, eu tive meu filho de parto normal e foi a melhor coisa no mesmo dia eu ja estava andando, cuidando dele e fazendo qualquer coisa sem falar que é muito mais saudavel para a criança sair no tempo certo, mas para isso o medico tem que acompanhar se ele ta vendo que a criança é grande obvio que ele tem q passar pra cesária sem nem tentar um normal, isto é até negligencia.

    • Carlos Wagner:

      Acho que são dois litros durante o dia todo e não em um minuto.

      Se você bebe água demais, ou se ingere qualquer coisa demais, pode ter complicações mesmo. Já houve caso de pessoas que morreram por beberem água demais em um concurso (coisa de americano).

      Agora se você bebe pouca água pode ter prisão de ventre, problema de pressão, problemas nos rins, etc. Depende também da tua atividade diária, tente se movimentar mais durante o dia, praticar um esporte ou apenas caminhar, inevitavelmente você sentirá mais sede pois perde líquido e sais minerais pelo suor e urina.

    • Palobão:

      Oh Glória!
      Para cada situação deve ter um comportamento.
      Quando pratica exercício físico o organismo consome mais água. Da mesma forma quando se está muito calor. Uma pessoa sedentária no frio consumirá muito menos água que um esportista no calor.
      Quanto a cesariana que você fez, parece-me ter sido a melhor opção devido aos problemas anteriores, no entanto há bilhões de pessoas hoje no mundo nascidas de parto normal com nenhum problema. Um bom pré natal deve ajudar a gestante decidir qual o tipo de parto ela escolherá. Situações emergenciais também.
      Abraços.
      Inté.

  • Fleur:

    Genial, amei este site curti até no fce.

    • Cameramen:

      esses cara são demais eis pesquisa as coisa tudo e coloca aqui prá nóis, é isso que eis faiz…

    • Jony:

      Cameramen: vá aprender Portugues antes de postar alguma coisa na internet.

    • Ezio Jose:

      Aprender português para postar o quê?

    • Vitor:

      Essa tem fundamento!! Postar o quê, afinal?

      – Ja imaginaram que os 2 litros de água pode ter sido recomendado para quem não possui outra fonte de água?( vítimas de secas). Devo ter exagerado no exemplo, mas fundamentos existem! Existem verdades que servem para cada época.
      Acredito que ja ouviram falar do ” Poder do Mito”. Um colega meu,médico psiquiatra me disse..” A mitologia Grega ” tem TUDO que a psiquiatria e a psicoterapias sérias utilizam. Apenas os medicamentos são modernos.

  • Capitão Caverna:

    2 – Cesariana é o melhor tipo de parto
    Todos já sabemos a tempos qe o parto normal é mais seguro.

    • Julieta:

      Parto normal nem sempre é “o mais seguro”.

      Na evolução dos seres humanos, para que fosse possível andar sobre duas pernas, o corpo sofreu adaptaçoes; entre elas, o estreitamento do quadril .

      Isso dificulta o parto dos humanos, fazendo-o bem mais trabalhoso e arriscado o que o parto de um gorila, por exemplo.

      Hoje em dia há uma corrente defendendo o chamado “parto humanizado”, que nada mais é do que ter seu bebê na sua própria residência, geralmente na agua, sem anestesia.

      Os apoiadores do parto humanizado defendem que esse é o meio que a natureza escolheu para nascermos, então assim deve ser.

      O que não falam é do numero de mães de primeira viajem que se deparam com o cortão umbilical enrolado no pescoço dos seus bebês e não sabem como desenroscá-lo, ou pior, dos casos em que os ombros do bebê ficam presos dentro da mãe, impossibilitando o nascimento.

      Com o sem anestesia, parto normal nem sempre é o mais seguro.

    • Capitão Caverna:

      O quadril da mulher fica mais relaxado quando chega o momento do parto.
      Julieta na sua opnião qual seria o melhor tipo de parto então? lembrando qe o parto humanizado é parto normal.

    • Maia:

      Tão retrógado essas correntes naturalistas. Será que também defendem não usar medicamento nenhum, já que que as doenças são obra da natureza e a medicina criada pelo homem? Vamos todos morrer com simples infecção. Não usar eletrônicos, afinal não são naturais. CArro? Nem pensar. Uma hiprocesia só essas correntes: Porque não vão morar em cavernas? Banho gelado em rio, viver como os indios. É mais fácil tecer lindos discursos e divulgar na internet.

      O conhecimento, tecnologias, e demais procedimentos criados pelo homem fazem parte da natureza. Não devem se esquecer que o homem também é um animal, e seu conhecimento é uma habilidade, assim como alguna animais possuem veneno, cauda, presas, voo, o homem pensa e cria.

      É burrice abdicar das facilidades dadas NATURALMENTE aos homens para sofrer gratuitamente.

    • José Elias:

      Se Fosse Asteka então….

    • Gracy:

      Bom, nenhum homem poderá saber qual o melhor parto rsrsrsrs
      Mas falando sério, o MELHOR parto sempre será aquele q oferece menor risco à mulher.
      Eu passei por um aborto, aos 5 meses de gravidez, e sinceramente, não quero mais sentir dores de parto. Agora, só se for cesariana!

    • israel:

      você não querer sentir mais dores não significa que o parto normal é inseguro, cesariana só deve ser feito se detectado risco para o feto e para a mãe, pois qualquer cirurgia invasiva contém riscos.

    • viviane manfroi:

      Quanto ao parto normal ou cesária, fiquei impressionada com o fato de ainda ter gente que defende a cesária…aqui no Brasil tornou-se nos anos 80 e 90 uma prática abusiva, cujo intuíto dos obstetras era ganhar tempo e dinheiro…é lógico que o parto normal tem riscos…mas a cesária tem muito mais…se não sua prática não teria sido considerada abusiva…enfim….”cadum, cadum” como dizem…

    • Fatima:

      Vou falar das minhas experiências. Tive dois partos normais, um aborto espontâneo (depois de ter tentado segurar o bebê por 3 vezes) e dois partos cesarianos…dos três, o pior foi o aborto. O primeiro parto normal foi terrível (entrei às 21h no hospital e minha filha foi nascer às 8h da manhã – sofri dores terríveis neste período todo. O segundo parto normal foi “anormal”,pq meu filho nasceu quando eu dei uma gargalhada – e as dores foram mínimas. O aborto foi terrível. Tive 3 ameaças de aborto em dois meses e meio e, na terceira, meu filho nasceu. Viveu somente 8h e faleceu. Foram as dores mais terríveis que senti somadas à morte do meu filho (uma experiência que não desejo a ninguém). No terceiro parto, meu filho sentou e tive pré-eclâmpsia. Foi feito cesariana de emergência. Não senti nada antes e durante. Mas, depois, foi terrível. Dores horríveis, sem falar na tosse que tive pq ele nasceu no inverno e peguei gripe. No quarto parto de cesariana, a única dor que senti foi da sonda na uretra, fora isso, nada – nem antes, nem durante, nem depois. Foi absolutamente tranquilo (e ainda cedi meu horário para outra gestante em trabalho de parto). O que me ensinaram essas experiências todas: cada parto é um parto e cada caso é um caso. Não se pode generalizar se um é melhor do que o outro. Cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é e fazer o que acha melhor. Se tivesse que escolher novamente eu faria um parto normal.É isso.

    • Al:

      Bem colocado, Julieta.

      O parto na água morna parece bem interessante, já vi vídeos bem legais sobre isso… Mas é bobagem isso de abrir mão da assistência médica.

    • Vitor:

      Estou com o Cap. Caverna.

      Afinal, a “Seleção Natural”, obviamente com o ” parto normal,garantiu nossa sobrevivência na Terra.
      É consenso entre os médicos ..parto normal é NORMAL!
      A Cesariana era utilizada em casos complicados. Acabou virando moda.

  • Claudio Tavares:

    Este cadáver em Curitiba está desafiando a afirmação do item n° 5: http://www.youtube.com/watch?v=aFNuHlP99yQ

    • Marcelo Ribeiro:

      No cadáver parece mais liso, na foto mais enrolado. Naturalmente o cabelo parece mais longo assim. Se fizessem medições sérias e realmente científicas além das simples observações empíricas seria bem melhor.

      Para que fazer a barba do cadáver, porque não simplesmente fazer metade da barba e observar a outra metade crescendo para comparar?

    • Ezio Jose:

      Se entendeu a finalidade desses cadáveres, deve então saber que eles são específicamentes para pesquisas. Numa pesquisa, creio eu, que são necessárias devidas comparações.

    • Marcelo Ribeiro:

      O que estão fazendo são observações empíricas e não estão utilizando o método científico. Se usassem o método científico ao menos fariam medições prévias ao embalsamamento, documentariam frequentemente alterações, metodologia, etc. Poderiam marcar fios de cabelo e barba específicos para medições. Poderiam remover pelos anteriormente ao embalsamamento para comparar mais tarde com outras amostras do mesmo sujeito, etc. O que estão fazendo ali no IML de Curitiba não é ciência, mas nem por isso deixa de ser interessante.

  • Henrique:

    Sempre achei a idéia de que “O ser humano só usa 10% de sua capacidade cerebral” ser muito estranha, pois o Cérebro não tem nenhuma funcionabilidade além de contralar as nossas ações.

    • Capitão Caverna:

      O cérebro responsavel por quase tudo qe vc faz ele sabe oqe é certo ou errado, ele gera a visão, audição, paladar, tato, sentimentos, sexualidade, quando é hora de comer, quando é hora de parar de comer, quando é hora de beber água… ele te diz até quando vc deve cag… controlar as nossas ações inclui tudo(e olha qe é muita coisa).

    • Bruna:

      eu acho, que é com ele que vc pensa também, mas acho que duvido disso, pois isso parece ter sido completamente ignorado por voce, ele não controla apenas as suas ações, ele faz muito mais do que isso, a diferença entre pessoas inteligentes e as comuns, é que as comuns não sabem raciocinar e tem preguiça de fazer e aprender é só isso, e umas melhorazinhas genéticas, elas tem preguiça de pensar por elas mesmas e ficam dependentes das respostas de outros para as suas perguntas, mas nada que um pouco prática não fosse o suficiente para tirar uma pessoa comum desse grupo e fazer o dela Q.I. subir um pouco, claro ate porque há uma diferença muito grande entre uma pessoa comum que sempre teve preguiça de pensar e uma pessoa que pensa desde a mais tenrras idades, se uma pessoa comum faz isso depois de adulta acho muito dificil de se superar um muito inteligente ou um gênio, mas pode ser que melhore significativamente.

    • Ezio Jose:

      A matéria postada contém equívocos. Se notarmos com a tenção e interpretar com discernimento, podermos notar o que é o cérebro funcionar cem por cento e o que é usarmos só dez porcento. Uma coisa é diferente da outra.

      Temos veículos populares que alcançam quase 200 km/h mas só podemos usar no máximo 120km/h.

  • Cesar Crash:

    Expor-se ao frio causa gripe
    Como se gripes e resfriados não fossem infecções virais!

    • Patrícia:

      acontece que se expor ao frio pode baixar a imunidade

    • Cesar Crash:

      O que parece é que o tempo seco do inverno é um ambiente melhor para os vírus proliferarem. Se o frio (aliás, parece que é o choque térmico) baixa a imunidadedade, esse é um fator irrelevante perto dos demais. No frio, o cidadão pega todo dia ônibus lotado, com os vidros todos fechados e acha que pegou gripe por causa do frio. No frio, os casos de gripes e resfriados aumentam, mas o número de agasalhos que cada um usa, SE interferir nisso, é algo mínimo.

      http://www.clicrbs.com.br/especial/rs/bem-estar/19,0,3017583,Frio-nao-e-responsavel-direto-pela-gripe-garante-especialista.html

    • Gracy:

      Eu concordo com o Cesar e não concordo com a Patricia.
      Isso do frio baixar a imunidade é igual a água abrir os poros e aumentar a incidência de doenças.
      O que eu acho q acontece, é q muitas pessoas são “alérgicas” ao frio, e que no frio, as pessoas ficam mais “isoladas”, e por isso, o ar circula menos e aí os virus, bactérias, se propagam mais…
      Mas daí vem uma pergunta: eu sempre acreditei que ficar em locais fechados com pouca ventilação [como ônibus sem ar condicionado] aumenta a transmissão da meningite. Será verdade?

    • Vitor:

      O frio dá sobrevida aos vírus e não meche com a imunidade. Se fosse assim,os esquimós e o pessoal que vive acima do Trópico de Câncer estariam mortos!

    • M.Neto:

      Acontece que não é necessariamente o frio que “baixa” a imunidade mas sim a mudança térmica do frio para o calor ou do calor para o frio, onde nosso organismo em fase de adaptação metabólica reduz a produção de anticorpos e foca na regulação térmica ( mais importante para a sobrevivência)

    • Vitor:

      Obs….Sobrevida ao vírus FORA do corpo. Pois as celulas continuam trabalhando do mesmo jeito.

Deixe seu comentário!