As 10 doenças mais dolorosas do mundo

Por , em 30.10.2012

Cada pessoa tem um nível de tolerância a dor. Contudo, mesmo as mais resistentes iriam suplicar por alívio se tivessem alguma das doenças que listamos a seguir. Confira:

10 – Endometriose

Não bastassem os incômodos do ciclo menstrual e as dores do parte, as mulheres também estão sujeitas à dolorosa endometriose. A doença, que atinge em média uma em cada 10 mulheres, ocorre quando células do endométrio (que normalmente só se encontram dentro do útero) migram e crescem em outros órgãos – como os ovários, as tubas uterinas e até mesmo o intestino. Existem diversos tratamentos para aliviar os sintomas, mas não há cura para a endometriose.

9 – Gastroenterite

Os sintomas dessa doença, causada por bactérias ou vírus, não são bonitos de ver (e, menos ainda, de sentir): náusea, vômito, diarreia (que pode causar desidratação), febre, calafrios e dolorosos espasmos abdominais. Em alguns casos, a infecção pode se estender por mais de uma semana.

8 – Abcesso dentário

A dor causada pelo acúmulo de pus em volta da raiz de um dente pode fazer qualquer um esquecer o “medo de ir ao dentista” e correr em busca de tratamento. O pior é que muitas vezes o paciente precisa tomar antibióticos antes que o dentista possa resolver o problema, já que a infecção pode “devorar” qualquer dose segura de anestesia.

7 – Otite

A inflamação do ouvido é relativamente comum entre crianças, e a dor que causa pode tirar o sono de qualquer um. Dependendo do caso, pode causar vertigem severa – e ficar de pé se torna uma tortura.

6 – Peritonite

Emergência cirúrgica, a peritonite pode levar o paciente à morte. Ocorre quando o peritônio (membrana que cobre vários órgãos abdominais) é inflamado, e a dor é tão forte que a pessoa quase sempre pede (ou suplica) para ser operada imediatamente.

5 – Torção do testículo ou do ovário

Muita gente fica agoniada só de ler sobre doenças envolvendo os órgãos sexuais – e não é por acaso. Quando os testículos ou ovários se torcem em seus próprios ligamentos (o que, infelizmente, pode ocorrer espontaneamente), a dor extrema vem acompanhada de um risco de necrose e de esterilidade. A condição é considerada uma emergência médica.

4 – Herpes-zóster

Qualquer pessoa que já tenha tido varicela/catapora pode acabar desenvolvendo herpes-zóster em algum momento da vida, já que as duas condições são causadas pelo mesmo vírus (que, depois de uma infecção, nunca é totalmente removido do organismo). A dor é intensa e contínua, e não tem cura – apenas remédios para aliviar os sintomas enquanto o próprio corpo luta contra a infecção. Estresse e baixa imunidade aumentam as chances de se desenvolver herpes-zóster.

3 – Pedra na vesícula

Formadas por colesterol, as pedras (também chamadas de cálculos biliares) podem escapar da vesícula e atravessar o duto biliar, o que causa uma dor extremamente forte. O problema é mais comum entre mulheres e obesos. Dependendo do caso, só se consegue remover as pedras por meio de cirurgia. Para diminuir os riscos, é recomendado evitar o excesso de gordura na dieta.

2 – Cefaleia em salvas

Imagine uma enxaqueca dez vezes mais dolorosa. Ao contrário da convencional, a cefaleia em salvas é mais comum entre homens e afeta cerca de 0,1% da população. A dor é tão intensa que já levou pacientes a cometer suicídio. É possível diminuir a frequência e a intensidade das dores, mas ainda não há cura definitiva para a doença.

1 – Pedra nos rins

Quem sofre com essa condição garante: a dor causada por pedras/cálculos nos rins é a pior que uma pessoa pode sentir sem morrer. Não há uma explicação definitiva para o problema (pode ser excesso de sódio, excesso de cálcio, desidratação, fatores genéticos), nem cura. Em alguns casos, é preciso remover as pedras cirurgicamente.[ListVerse]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (3 votos, média: 5,00 de 5)

28 comentários

  • Erick Aguiar:

    Andaram esquecendo da neuralgia do trigêmeo…

  • Pablo Santos:

    Achei que a doença reconhecidamente mais dolorosa por vários médicos estaria em primeiro, mas não está nem na lista.
    Trata-se da nevralgia do trigêmeo.

  • silvio selva:

    tive cólica de vesícula em uma madrugada, a dor foi tão intensa que achei que fosse enfarte. Chamei um táxi e do jeito que cheguei ao hospital, lá fiquei, fui internado e tirei a vesícula. E muito doido, depois que tirei a vesícula, minhas enxaquecas diminuiram 80 por cento…

  • Marília Costa:

    Cade a FIBROMIALGIA aí gente?
    Já tive cálculo renal e posso dizer, com certeza, que é muito pior que qualquer coisa. É pior que tortura, me sinto um boneco de vudu.

    • tasende:

      A Fibromialgia e a Hérnia de disco…

  • PHAS:

    Galera, falando em dor crônica, pra quem sofre de enxaqueca como eu, isso aqui me ajudou MUUUUITO (na verdade eu diria que por conta desse livro eu consegui ter uma vida normal):

    http://www.amazon.com.br/Enxaqueca-S%C3%B3-Tem-Quem-Quer-ebook/dp/B00ANDSUYW/ref=sr_1_1?ie=UTF8&qid=1384670474&sr=8-1&keywords=enxaqueca

    Fica a dica.

  • Vivian Malaman:

    Eu tive esse abcesso dentário em uma quinta feira a noite, na sexta foi feriado e não tinha nenhum dentista pra atender. Foi terrível a dor, ela durava 15 minutos e passava por uns 30 e depois voltava. Eu quebrei minhas mãos e um pedaço da parede dando soco de tanta dor.

    Tomei um remédio pra dor e passou um pouco, mas meu rosto inchou e eu não conseguia comer nada.

    Quando chegou segunda feira no dentista, depois da 6ª anestesia, ateh o ar que ele colocava na boca doía, soh na 15ª anestesia que ele conseguiu abrir o dente. Foi um alivio depois. Nunca vou me esquecer do terror que passei.

  • Lorena Cristina:

    Só acho que faltou a fibromialgia .–.

  • Mariangela Pelicia:

    Tenho cefaléia em salvas e garanto que é extremamente doloroso! Tem crise que nem morfina melhora…

    • Sidney Anísio:

      O cogumelo mágico é um grande remédio para isso, ví num documentário no nat geo, o nome científico desse cogumelo é Psilocybe cubensis, pesquise lá…

  • Gloria Ben:

    existem dores terriveis q ñ são doenças, q são sintomas de q algo , ñ vai bem , ex; dor de parto, dor de chute nas testículos ressaca, crises de cronh, crises reumatoides, facite plantar, fogo selvagem, tratamento de quimio terapias e muitos outros ,a pior dor é a dor do abandono quando estamos sentindo dor na alma, porque p\ essa ñ há remedio só a morte pode dar alivio.

    • Guilherme Pascon:

      Para dor sentimental existem trocentos especialistas nisso, chamados de psicólogos. Ainda há psiquiatras para receitar coisas contra depressão. Ponho-me no lugar de pessoas que possuem câncer e estão em estado terminal e se não sedados possuem uma dor muito intensa e incessante, e muitas fora do Brasil optam pela eutanásia. Acho dor sentimental mais papinho de fraco do que qualquer outra coisa, gente que é traída e quer se matar como se não houvesse o amanhã. Tem gente que perde uma perna num acidente automotivo e ainda toca a vida em frente.

    • Clauton Leal:

      De fato faltou a dor da “alma” dor gerada por um desiquilíbrio emocional extremo, não vou falar que ela é a “pior” de todas, mas em certo grau a depressão é lancinante.(já passei por isso).

      Guilherme muitas pessoas reclamam sentem uma dorzinha ali, na “alma” reclamaram e já acham que é depressão, estão todas enganadas. Poucos sabem o que é uma depressão. A depressão no Brasil principalmente está enraizada como frescura pela cultura, mas de fato não é, é aquela coisa só sabe quem já passou. Bem vc foi infeliz no que comentou.

  • jodeja:

    Oi Flor de Lis, não se desespere, siga os conselhos da Medicina Integrativa.

  • Flor de Lis:

    Concordo com a pesquisa. Sem dúvidas os cálculos renais provocam a pior dor que uma pessoa pode sentir. A dor é tão intensa que até tentar descrevê-la é impossível.

  • Medicina Integrativa:

    Cálculo renal tem solução sim:
    Tomar água de ótima qualidade e em boa quantidade, a urina deve ficar clara quase como água.

  • jodeja:

    É necessário saber controlar a dor e isso não é impossível. Pode ser através de auto hipnose ou mesmo relaxamento com meditação. Há várias técnicas que, não eliminam totalmente a dor, mas faz com que elas se tornem suportável.

  • Fabi Leotta:

    Nossa! Achei legal saber quais as dores mais horriveis, Graças a Deus até hoje só tive Enxaqueca.

  • daniel_vieira30:

    acho q caxumba entra nesse ranking ai tbm, tm jah teve fala q eh a msm coisa q se tivessem mil agulhas eletrificadas espetadas na bochecha

  • Daniel Iserhard:

    Nunca tinha VOMITADO de dor, mas quando tive pedra nos rins, vomitei.

  • JLKLEIN:

    quando criança tive seta terrivel dor de dentes, realmente e um orror a gente pede para morrer.

  • Adail Rodrigues:

    Bom dia.
    Faltou acrescentar a ARTRITE PSORIÁTICA que ao contrário do abcesso dentário ou pedra na vesícula pode ser tratado com tratamento ou cirurgia, a AP é para sempre, extremamente dolorida quando das crises além de provocar deformações nas juntas. Também não há cura. Minha mulher trocaria a AP dela por um abcesso dentário. Em menos de uma semana ela estaria com o problema resolvido.

    • Sônia Maria Chiodi:

      Concordo com o senhor. Alguns problemas são resolvidos em minutos ou horas, mas ARTRITE PSORIÁTICA, FIBROMIALGIA e outras, além de não ter cura acabam com nossas energias. Dor é coisa que não aparece, somente quem sente é que sabe. Eu sei!

  • Flaubert José Silva:

    Concordo plenamente com tais conceito de dor,mais para mim que já tive um infarto e dor de joelho e muito maior, que algumas dores, aqui comentadas. Ha sim tambem tive dores de rins.

  • Samuel Alencar:

    Já fui vitíma de pedra na vesícula,tomei a decisão de retirar as pedras e a própria.

  • Paulo Eduardo:

    Aff, já tive pedra no rim tres vezes! E não desejo tal dor nem ao meu pior inimigo!!

  • Helder Mafra:

    NÃO POSSO SALVAR VOCÊ…APENAS PREVENIR O RISCO..

  • Thel Martins:

    Discordo da primeira… Sem dúvidas nenhuma a mais dolorosa é a Epidermosile Bolhosa… Sua pele não cola e qualquer toque é uma dor terrível além de gerar feridas por todo o corpo. É sem dúvidas uma crueldade genética e um martírio para quem tem esta doença

Deixe seu comentário!