Conheça oito incríveis aranhas recém-descobertas. A 5ª é muito fofa

Por , em 8.12.2014
Deinopis

Deinopis

Oito prováveis novas espécies de aranhas foram encontradas no Santuário de Vida Selvagem de Parambikulam, na Índia.

A reserva fica na região dos Gates Ocidentais, conhecida por ser um local de alta biodiversidade, recheada de espécies de plantas e animais.

Enquanto grandes espécies são bem documentadas, as menores são menos registradas pela ciência. Por conta disso, no início de outubro, uma equipe de pesquisadores foi analisar as espécies de aranhas da reserva.

Durante quatro semanas, a equipe encontrou, fotografou e catalogou 210 espécies de aranhas diferentes na região.

“Nós exploramos diferentes habitats como florestas verdes, montanhas, gramados, florestas caducifólias húmidas etc”, disse A. V. Sudhikumar, do Centro de Taxonomia Animal e Ecologia de Christ College (Índia), principal autor do estudo.

Entre as muitas aranhas, a equipe destacou oito que os cientistas não tinham visto antes. Depois de vasculhar a literatura publicada, eles chegaram à conclusão preliminar de que elas eram novas para a ciência.

Entre os recém-chegados, está uma aranha do gênero Deinopis, conhecida por seus grandes olhos proeminentes e por sua maneira de pegar insetos. Ela usa uma rede de seda entre as suas quatro patas dianteiras para apanhar insetos que passam.

Outra nova descoberta, que foi difícil de detectar, é uma aranha que evoluiu para se parecer com cocô de pássaros. A Calaenea espera uma presa passar e torna-se o cocô mais agressivo do planeta.

Calaenea

Calaenea

Há também um novo tipo de aranha, do gênero Dolomedes, que vive na vegetação perto de córregos e pega peixes pequenos. Ela é capaz de ficar submersa por alguns minutos.

Dolomedes

Dolomedes

Os pesquisadores encontraram ainda uma aranha buraqueira noturna, Haploclastus, que apesar de ser peluda é incrivelmente difícil de ser encontrada porque é ótima em ficar no subsolo.

Haploclastus

Haploclastus

Também há duas novas aranhas-saltadoras, o tipo de aracnídeo mais fofo do mundo com suas carinhas engraçadas e cores vivas e brilhantes. Uma das novatas tem manchas amarelas, e a outra usa sua face e colorida para atrair parceiros.

Aranha-saltadora do gênero Stenaelurillus

Aranha-saltadora do gênero Stenaelurillus

Completando as descobertas estão uma aranha Stenochilus verde e uma Neoscona em forma de diamante.

Neoscona

Neoscona

O próximo desafio é entender como todas essas aranhas diferentes foram parar lá.

“Algumas espécies novas mostram similaridade com as regiões africanas, e outras com a região da Malásia”, disse Sudhikumar. “Isso cria confusão na origem evolutiva das aranhas no subcontinente indiano, especialmente nos Gates Ocidentais”. [Wired]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 5,00 de 5)

Deixe seu comentário!