Fundador do Wikileaks acusa os EUA, o Facebook e a mídia de conspiração

Por , em 4.05.2011
Julian Assange, fundador do famigerado site da internet Wikileaks, carimbou seu passaporte para o estrelato com a publicação de documentos secretos do Governo estadunidense além de vídeos mostrando soldados dos EUA acidentalmente matando civis no Iraque e no Afeganistão e – mais recentemente – uma série de registros de prisioneiros de Guantánamo.

Agora que ele está no centro das atenções, sua nova empreitada é convencer o mundo de que vivemos numa grande conspiração internacional, liderada pelos Estados Unidos.

Em entrevista a uma rede de TV russa, afirma que, em relação à terra do Tio Sam: “Os documentos que nós liberamos eram classificados como confidenciais, mas as coisas verdadeiramente constrangedoras, as coisas realmente sérias não estavam em nossa coleção. Elas ainda estão por aí”.

Ele não perde muito tempo tornando seus pensamentos conhecidos na maior rede social do mundo e o site mais utilizado, o Facebook. Ele pensa a rede compactua com o Governo dos EUA e é cúmplice de uma vasta conspiração. Ele diz:

“O Facebook, em particular, é a máquina mais terrível de espionagem que já foi inventada. Aqui temos o banco de dados mais abrangente do mundo sobre pessoas, seus relacionamentos, seus nomes, endereços, a localização de suas casas e postos de trabalho, além de toda a  comunicação com seus parentes e amigos – tudo acessível à Inteligência dos EUA”.

“Facebook, Google, Yahoo – todas esses grandes organizações estadunidenses criaram interfaces para a Inteligência dos EUA. Todos devem compreender que, quando adicionam seus amigos no Facebook, estão fazendo um trabalho gratuito para as agências de inteligência dos Estados Unidos na construção desse banco de dados para eles”.

Ele também reclama do que diz ser uma conspiração com fins lucrativos dos jornais “The New York Times” e seu ex-aliado que virou inimigo, o britânico “The Guardian”. Ele explica:

“O que eles fizeram com os documentos foi que eles escancararam demais os assuntos na cara do povo. E agora eles só estão preocupados com qualquer possível ataque a eles. Aliás, já vimos esse tipo de abuso do material que fornecemos várias vezes. O Guardião é o pior criminoso, mas o The New York Times não fica muito atrás”.

“Isso é completamente contra o acordo que originalmente foi criado com eles no dia 1o de novembro de 2010: o acordo foi de que as publicações deveriam ocorrer apenas para proteger a vida das pessoas. Não deveria haver nenhuma outra publicação com outros objetivos, não para proteger reputação, não para proteger os lucros do The Guardian, mas apenas para proteger vidas”.

Esse é seu desabafo. E aí, você concorda com as acusações do homem? Também acha que tudo não passa de uma conspiração dos EUA, numa aliança com o Facebook e a grande mídia? [DailyTech]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

42 comentários

  • Gean Medeiros:

    Não é um cenário muito difícil de se imaginar.. a popularização e o status q o facebook ganhou em um curto espaço de tempo pode muito bem ter sido com a velha ajuda das trocas de influências, exposição manipulada na mídia (não assinem a veja) e tudo mais. Talvez não como um plano maléfico pra dominar o mundo (ta.. essa foi forçada) mas por que não como mais um acessório, ou ferramenta de monitoramento do governo.
    As mulheres vivem fazendo isso, não me impressionaria se tivesse sido ideía de alguma detetive.. kkkkk

  • Devid Henrique:

    É tão verdade o que ele disse que a sua vida vive sendo a atormentada por falsas acusações e perseguiçoes dos governos do mundo todo.

  • Henrique:

    Na realidade isso ficou um poco tendencioso, ele não falou que o facebook trabalha para o governo americano, mas que os EUA conseguir acessar os dados do facebook seria muito fácil. Não muda muita coisa mas que a google facebook e etc trabalham pros americanos é meio pesado.

    abraços!

    • Mps Bergamini:

      No video os soldados americanos confundem integrantes de uma rede de televisão que carregavam câmeras com “terroristas”, atiram e matam todos.

      O problema não se deu pela morte dos integrantes apenas: Também as palavras jocosas dos soldados ao metralhar as pessoas covardemente, vejam o video.

      Vejo a lavagem cerebral que fazem nestas pessoas como um subproduto da indústria do petróleo e todas as implicaçãoes decorrentes da ocupação desses países por empresas de exploração.

      E o pior: a situação nem sequer é compreendida em sua totalidade pelo resto das pessoas. Isso é o pior.

  • Paulo:

    Bruno,
    Só me diz porque “acidentalmente” em “…vídeos mostrando soldados dos EUA acidentalmente matando civis…”, da onde isso foi acidental? Acho que tu não viu o vídeo postado pelo wikileaks, que nos prestou um grande serviço ao mostrar como os americanos não estão nem ai para as vidas humanas.

  • Lucas R. Barros:

    esse cara tem razão.

    o ruim é que existem pessoas que dizem que conspiração não existe.

    deve existir sim uma conspiração, não sei como está organizada e dividida, mas existe sim alguma coisa que quer nós ter como bonequinhos de pano para trabarlharmos para eles.

    • jairoluis:

      De certa forma todo mundo conspira contra alguém ou alguma coisa.

  • SENAM:

    Se voces acham que não tem nada demais, porque será que a autorização de segurança de Obama 00é nivel 27?!?! sera porque tem 26 niveis acima onde ele NÃO PODE meter o bedelho???

  • Farofa:

    Excelente… Tomara que ganhe o processo e ensine para esses palhaços dos EUA que conhecimento é um bem publico… e não um crime… como ele foi acusado injustamente por estupro (por transar sem camisinha)

  • Rogerio:

    O seu facebook é um livro aberto…
    Concordo com ele quanto aos dados. Tem gente que só falta expor a senha da conta no banco.Por isso nunca gostei de Orkut, Facebook e seus congêneres…
    As informações sobre a sua vida, parentes, amigos, locais, estão todas lá, superficiais ou não, esperando para serem usadas.
    Para qual finalidade? Ninguém sabe…

  • Santos:

    Claro que o australiano está certo, as rede sociais e todo tipo de comunicação gratuita ou não, foi desenvolvida para alguém nos controlar o tempo todo, e nós pensamos que somos livres (kkkkkkkkkkkk)

  • Vitor:

    espero que a moderação leia o post anterior..uma vez ficou um mês jogado no lixo.

  • Vitor:

    Claro que ninguém vai colocar no facebook que tem armar.Que pretende invadir os EUA,nem nada disso.
    Mas para elas o importante é conhecer o “perfil de alienação” que eles põem nas nossas cabeças todos os dias.
    Se uma parcela significativa de uma nação começa a simpatizar com muçulmanos…..aí ele devem querer se aprofundar no estudo dessa parcela da população!
    Não só espionagem…mas manter sob controle suas ovelhas cegas,surdas e mudas que criaram ao longo do tempo. E com a net….o que poderia ter mudado quanto a visão do mundo em relação aos EUA?
    Eles tem códigos de triagem nos computadores deles. Não acredito que fiquem vendo um por um.

  • Evandro:

    Pensando melhor, agora entendo a ponto de vista de Assange.

    Para uma pessoa comum, simples, de uma vida pacata, vamos assim dizer. Que ninguem está nem aí, muito menos o governo. De fato, tanto faz ter sua vida inteira exposta na rede.

    Agora para quem é inimigo do Estado, ou inimigo de alguem poderoso e por aí vai. Ai sim, este, vai desejar maior privacidade de suas informações e vida pessoal. E é importante ressaltar, que ser “inimigo do Estago” não significa ser necessariametne ser o vilão da história, pode ser, muito bem, o mocinho tambem.

  • Evandro:

    Haammm, qual é a conspiração? Ele naõ apresentou nenhuma teoria. Apenas a que todos sabemos. Se é que isso pode ser chamado de conspiração. Pois culturalmente, a sociedade está mudando para pessoas que buscam tornar sua vida (no que for conveniente) um livro aberto apra os outros, inclusive a Inteligencia dos EUA.

  • HUGO SM:

    Concordo plenamente,e vem mais cosa por ai atreladas a “guerra ao terror”,chips em tudo,passaporte,carteira,carro…vc passa pelos sensores e fica registrado,ate existe uma proposta de chipar as pessoas,e não esqueçam o “celular” so com ele vc esta “online” para a CIA 24 hs.
    Ja temos câmeras ate nos sanitários e tb radares que identificam as placas etc etc etc.
    ORWELL escreveu 1984,onde tinha o “BIG BROTHER”(sim,o nome do BBB vem de ai)era apavorante a descrição da sociedade vigiada…Agora a realidade superou a ficção.
    O império do mal não é devaneio de xiita.

  • Zé da Morte:

    Não sei se devemos acreditar tanto em teorias da conspiração. Vamos imaginar que sim, tudo é uma ferramenta para nos espiar… ok, mas o que os EUA querem com isso? Poder sobre o que? Armas muitos inimigos deles também fazem… alimentos, industrias… não dependemos deles para isso. Então por que?

  • Tendrilion:

    É bem plausível sim. Tanto que se você for pesquisar, os EUA encontraram pistas do Osama por um mero descuido de um de seus agentes, que ao passar um email a CIA rastreou.

    Facebook e tantas outras redes sociais podem ser ferramentas bem úteis a vida de qualquer um sabendo utilizar do modo adequado; porém saiba que ao fazer uso de tais redes, se for do interesse de alguma instituição saber o que você tá fazendo e seus dados, os mesmo são de fácil acesso.

    Esqueça aquele link “política de privacidade” pois aquilo não existe.

    “por causa do Assange que acredito que os EUA mataram o Osama”. [2]

  • eduardo:

    Tá… e daí?… nada mais provável de acontecer qnd o ser humano é ávido pelo socialismo, principalmente globalizado, e a tenologia nos ajuda a isso….. e é lógico q qualquer instituto “inteligente” como a CIA, FBI vai utilizar de qualquer ferramenta q os ajude a identificar pessoas…. e é claro q não é apenas os órgãos americanos q se beneficiam dessa facilidade….. isso ocorre no mundo inteiro….
    Acho que Julian tem q se concentrar em continuar divulgando os atos criminosos dos EUA…. e só….

  • Mota:

    Os americanos farão tudo para o desacreditar!

  • Alter ego: Tio Sam:

    Uma vez li em uma matéria da VEJA que falava com o autor de uma biografia de Julian, o autor disse que Assange era mestre em ludibriar repórteres, convenceu a mídia que havia milhares trabalhando para ele quando tinha apenas quatro.

    Quem não lembra do vídeo dos soldados americanos atirando em jornalistas iraquinos, Assange disse que gastou 250 mil e meses para descodificar as imagens, quando tudo ele prescisou fazer foi melhorar a imagem, e na hora de editar apagou um lançador de granadas que um dos homens seguravam, só para deixar os EUA ainda pior na fita.

    Ele virou o herói lutando pela verdade contra o Império do mau que é os EUA.
    P.S: Tirem suas próprias conclusões.

    • marcelo:

      a Veja deveria ser a última fonte de informação pra quem busca saber a verdade… TUDO o que é publicado lá tem um interesse poderoso por trás. Be careful

  • Pepe:

    Não só o Facebook é uma ferramenta de espionagem. Ainda tem o Google, e suas ferramentas, o Windows live Messenger e suas ferramentas, a Microsoft e suas ferramentas. A HP e suas impressoras. Etc.etc. Sem esquecer os Católicos no Vaticano (antes da informática) eles já tinham um banco de dados de tudo o mundo desde que tu nasceste – batizo-ate que tu morre… imagina agora.

  • Vitor:

    Eu ja desconfiava há muito tempo dessas redes sociais…
    Porque o Orkut virou ” coisa de pobre”? Simples…lá você não precisa expôr sua vida e o que realmente faz dela.
    Quem detém informação e conhecimento,detém o poder..sempre foi assim.
    Mas agora “de grátis “

  • Jairo:

    Pior é o Vaticano que controla a mente de quase 2 bilhões de ovelhas só com um livro velho e sem autor.Os dados das ovelhas do Vaticano são reais, preto no branco. O Papa sabe onde mora, estuda, trabalha e o telefone, celular, email de cada uma de suas ovelhas. Assim também sabem as seitas americanas que se espalham pelo mundo como TJ, Adventistas, Mórmons, Assembleias de deus, etc. O verdadeiro banco de dados está nas igrejas. São dados reais e confiáveis e não dados estatísticos de redes sociais com 40% de fakes. Se você foi batizado em uma igreja cristã todos os seus dados estão no Vaticano ou nas sedes norte americanas das igrejas.

  • Paulo:

    Papo furado esse cara e marionete dos senhores do IMUNDO,INWO, ele so esta criando a causa para as repreçoes que virao ele esta a serviço da NOVA ORDEN MUNDIAL !

  • SHIP:

    FUCK YOU USA…

  • rafael:

    Bom, eu sou um adepto à TEORIA DA CONSPIRAÇÂO onde a grosso modo, os EUA sao muito malvados, vamos dizer assim, e é concebivel que eles inventam, distorcem e manipulam a imagem que temos sobreo mundo e sobre as noticias, o objetivo maior deles é a Criação de UMA POTENCIA POLITICA MUNDIAL, ai vai fude tudo rsr.
    BEmm, nos resta o conhecimento, isto poder algum do mundo nos tira!!

  • O Holandês Voador:

    Eu acho q isso não esta provado, mas eu não duvido disso nem um pouco.
    Se o governo dos EUA quiserem os dados dos usuários ao Facebook, Google, etc…, pq eles iriam recusar?
    O Governo dos EUA tem mais poder do que qualquer outro império da história, mas esse poder esta bem camuflado.

    • SENAM:

      Não, atualmente está é bem escancarado, só não vê quem tem preguiça de pensar ou o MEDO de SABER, tem gente que se acha envolvido só porque fica sabendo

  • Eu:

    Os políticos na minha opinião não mostram o que fazem porque agora vivemos em democracia e tal né… olhem só para a história da humanidade. Será que ainda não aprendemos nada??? o que leva um ser humano a botar fé total em outro ser humano assim?

    • SENAM:

      DEMOCRACIA é só pra Vc pensar que tem LIBERDADE. Leia mais, muito mais

  • Hugo:

    O pessoal que faz entrevista de emprego sempre checa os candidatos no orkut e no facebook pra conhecê-los melhor. Por que a CIA não checaria? Por isso que só uso fake…

  • Vincent:

    Por causa do Assange que eu acredito na morte do bin laden.
    Os EUA nao dariam essa bola fora correndo tanto risco.

    • SENAM:

      Se vc procurar na Net vai acha a noticia da morte dele em 2001. Procure tambem as provaveis consequencias disso agora revelado. Procure por atentados de falsa bandeira.

  • murilo:

    o cara falou tudo e eu estou com ele, esse fundador do facebook para mim é um tremendo de um ladrão e safado.
    eu já não ia com a cara dele, mas depois de ver o filme a rede virou merde para mim de vez.
    adoro o país usa e seu povo mas acho seus políticos tão corruptos e bandidos quanto os daqui.
    eu botava fé no presidente atual da américa, mas estou vento que ele vai ir pelo mesmo caminho dos outros infelizmente.

  • NiNjA:

    Acho que Julian Assange descobriu muito mais coisa 😉 e tá assustado.. mas ele tem sim mta razão, de conspirações o mundo tá cheio, mas uma hora a casa cai :p relaxa…

  • Diego:

    Acredito em muita coisa que ele disse. Já tinha essa mesma concepção antes da reportagem. Sempre olhei as redes sociais como um grande mapeamento mundial.
    Abraços a todos!

  • José Calasans:

    Por tudo que presenciamos até hoje de como se comporta os americanos e seus aliados,acredito sinceramente no Julian Assange,inclusive testemunhamos a perseguição que o mesmo passou por expor a verdade.Levo fé no Julian Assange.

  • OddStrikesAgain:

    Eu concordo com ele…
    Não simpatizo muito com conspiradores, mas admiro a atitude de Assange, é algo que ninguem faz, por temer pela sua propria vida…
    A ideia de controle é logica e inevitavel, o sistema (governo), necessita de um controle avançado sobre toda a população, para o bem das pessoas e para o bem (maior) do proprio sistema…
    Pena quem nem todas as pessoas têm boas intenções, e muitas dessas pessoas poder estar fazendo parte do sistema, isso causa de muitos abusos, e são esses abusos que assange denuncia…
    É necessario que muitas informações não cheguem as massas, para o bom funcionamento do sistema…
    O sistema só quer que vc viva bem, desde que seja quieto, calado e submisso…

    • Claudio:

      O kra tá certissimo, os EUA são tenebrosos demais da conta!!!, conspiração é com eles mesmos!!!!

    • jairoluis:

      Errado, o sistema só quer sobreviver, as pessoas são apenas números.

Deixe seu comentário!