Geek On reúne milhares de fãs em Curitiba

Por , em 26.10.2014

Mais uma convenção das comunidades geek, nerd e otaku rolou nesse fim de semana mobilizando em dois dias alguns milhares de cultores, que assistiram a diversas atrações multimídia, com a presença de blogueiros famosos, campeonatos de games, apresentações e concursos de Cosplay, e por aí vai.

Tinha de tudo: HQ’s, literatura, ficção científica, anime, cosplay, fandoms de sagas, comunidades de jogos, etc.

A novidade é que essa edição usou um espaço destinado a eventos musicais e também apostou na exposição de algumas inovações tecnológicas, tais como impressora 3D, operando o tempo no todo durante a feira, bem como óculos imersores de realidade virtual, ambos patrocinados pela Octopus, escola parceira e presença constante na maioria dos eventos do gênero aqui em Curitiba.

Também vale salientar a fotografia 3D fazendo sua participação itinerante na convenção, com equipamentos e técnicas desenvolvidas pela Burtignon 3D.

Interessantíssimo.

Penso que as grandes empresas nacionais não deveriam ficar de fora de uma atividade desse porte e seguir o exemplo das Livrarias Curitiba que apoiaram o evento montando uma mini livraria para a alegria dos fãs, pois público existe — e não é pequeno.

Talvez o que falte, quem sabe, é a valorização da atividade com vistas ao futuro, afinal esse jovem que hoje consome a cultura pós-moderna não é apenas isso — um simples consumidor — é também produtor em potencial, pois é muito fácil encontrar entre esses jovens representantes de diversos segmentos da sociedade do futuro, desde designers até analistas de sistemas.

A maioria estudantes talentosos que em pouco tempo serão profissionais muito bem conectados e, acima de tudo, grandes formadores de opinião.

Como de praxe participei com o estande de meu livro de contos e recebi o carinho desse público tão especial, destacando o reencontro com ex-alunos que sempre é um capítulo à parte.

Criado e organizado por Elton Chiquetano com apoio dos fandoms Jedi, Star Trek, Harry Porter e das grandes comunidades de jogos, quadrinhos e cosplay de Curitiba o Geek On, em sua primeira edição deu mostras que veio para ficar.

Artigo de Mustafá Ali Kanso 

-o-

[Leia os outros artigos  de Mustafá Ali Kanso  publicado semanalmente aqui no Hypescience. Comente também no FACEBOOK – Mustafá Ibn Ali Kanso ]

-o-

LEIA A SINOPSE DO LIVRO A COR DA TEMPESTADE DE Mustafá Ali Kanso

[O LIVRO ENCONTRA-SE À VENDA NAS LIVRARIAS CURITIBA E SPACE CASTLE BOOKSTORE].

Ciência, ficção científica, valores morais, história e uma dose generosa de romantismo – eis a receita de sucesso de A Cor da Tempestade.

Trata-se de uma coletânea de contos do escritor e professor paranaense Mustafá Ali Kanso (premiado em 2004 com o primeiro lugar pelo conto “Propriedade Intelectual” e o sexto lugar pelo conto “A Teoria” (Singularis Verita) no II Concurso Nacional de Contos promovido pela revista Scarium).

Publicado em 2011 pela Editora Multifoco, A Cor da Tempestade já está em sua 2ª edição – tendo sido a obra mais vendida no MEGACON 2014 (encontro da comunidade nerd, geek, otaku, de ficção científica, fantasia e terror fantástico) ocorrido em 5 de julho, na cidade de Curitiba.

Entre os contos publicados nessa coletânea destacam-se: “Herdeiro dos Ventos” e “Uma carta para Guinevere” que juntamente com obras de Clarice Lispector foram, em 2010, tópicos de abordagem literária do tema “Love and its Disorders” no “4th International Congress of Fundamental Psychopathology.”

Prefaciada pelo renomado escritor e cineasta brasileiro André Carneiro, esta obra não é apenas fruto da imaginação fértil do autor, trata-se também de uma mostra do ser humano em suas várias faces; uma viagem que permeia dois mundos surreais e desconhecidos – aquele que há dentro e o que há fora de nós.

Em sua obra, Mustafá Ali Kanso contempla o leitor com uma literatura de linguagem simples e acessível a todos os públicos.

É possível sentir-se como um espectador numa sala reservada, testemunha ocular de algo maravilhoso e até mesmo uma personagem parte do enredo.

A ficção mistura-se com a realidade rotineira de modo que o improvável parece perfeitamente possível.

Ao leitor um conselho: ao abrir as páginas deste livro, esteja atento a todo e qualquer detalhe; você irá se surpreender ao descobrir o significado da cor da tempestade.

[Sinospse escrita por Núrya Ramos  em seu blogue Oráculo de Cassandra]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

2 comentários

  • Mustafá Ali Kanso:

    Para mim foi surpresa essa sua constatação. Todo o tempo que eu estive no evento foi tudo Ok. Vamos levar isso à comissão organizadora.

  • Claudia Valeria Calegari:

    Nossa preocupação com nosso publico foi imensa, devido as saídas de incêndio terem sido lacradas, não ter seguranças, não ter ambulância, ter sido permitido bebida alcoólica entre outros problemas que não vem ao caso comentar. Não participaremos de qualquer coisa relacionada com eles novamente.

Deixe seu comentário!