Guardiões da Internet entrarão em ação, no caso de um cyberataque

Por , em 22.08.2010

Parece até uma “Sociedade do Anel” (de “O Senhor dos Anéis”, de J.R.R Tolkien), mas, se a Internet, algum dia, sofrer algum ataque pesado, sete pessoas portadoras de “chaves” irão se reunir para reestruturá-la.

As chaves não restauram, automaticamente, a Internet, mas sim ativam um protocolo de segurança que poderá fazer isso. Para isso pelo menos cinco dos sete “portadores das chaves” devem se reunir em um centro de dados seguro localizado nos Estados Unidos, conhecido como Domain Name System Security Extensions (DNSSEC).

Sete pessoas foram escolhidas para que nenhuma organização ou pessoa tenha o controle completo sobre a reestruturação da Internet. A identidade delas é, obviamente, desconhecida.

Uma ótima trama para um “Senhor da Web”, um romance que, em vez de ser ambientado em um mundo imaginário e medieval, poderia ocorrer no presente. [MSNBC]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

6 comentários

  • criancinha:

    Humm, acho que estou entendendo…

    “É tipo internet?”

  • Joao:

    E se essas pessoas adoecerem ou morrerem, será o fim da internet? Como fazer para restaura-la nesse caso?

  • bruno:

    em resumo o que eles fariam seria restaurar os 7 principais servidores dns do mundo, os responssáveis por organisar toda a web. detale curiozo é que não se sabe aonde, mas um destes 7 servidores é localisado no Brasil, 2 na európa, 3 nos EUA e 1 na ázia.

    • teko:

      Na verdade existem 13 servidores (raiz) no mundo e nenhum esta no Brasil, o que exixte no Brasil é uma réplica (PPT) que fica em porto alegre.

  • Jin:

    Mas eu vou.

  • Bruno:

    Isso não vai me impedir de dominar o mundo…

Deixe seu comentário!