Observe hoje a rara lua azul

Por , em 31.07.2015

Eventos astronômicos raros são sempre muito legais, mas, antes que você me chegue ao fim desse texto me amaldiçoando mentalmente, quero deixar claro que a lua azul de hoje será espetacular pela sua singularidade, mas não será azul.

31 de julho é um dia especial porque, hoje, teremos a segunda lua cheia do mês. Essa será a primeira ocorrência do tipo nas Américas desde agosto de 2012.

Cada mês tem apenas uma lua cheia, mas como o ciclo lunar e o ano civil não estão perfeitamente sincronizados, cerca de três em três anos, acabamos com duas luas cheias no mesmo mês.

Mas e o “azul”?

Isso por si só é bem legal por ser raro, mas, infelizmente, o satélite da Terra provavelmente não parecerá azul.

Digo infelizmente porque isso seria incrível, mas felizmente porque uma lua azul poderia significar uma catástrofe.

Normalmente, a lua só assume uma tonalidade azulada por causa de fumaça ou partículas de poeira na atmosfera, como durante uma erupção vulcânica cataclísmica.

Um exemplo disso aconteceu em 1883, quando o vulcão indonésio Krakatoa expeliu tanta cinza para a atmosfera que a lua tomou uma coloração diferente por anos (!). Após a explosão enorme, que os cientistas acreditam ter rivalizado com uma bomba nuclear de 100 megatons, os detritos vulcânicos causaram um pôr-do-sol vermelho vibrante e uma lua azulada que durou bastante tempo.

De novo, só em 2018

O tom azul escuro de um céu noturno é outra coisa que pode afetar a coloração com que percebemos a lua.

Mas como essas são coisas que não acontecem todos os dias, o termo “lua azul” foi cunhado para significar algo raro.

A lua azul mais recente que tivemos foi em Edimburgo, na Escócia, em setembro de 1950. O astrônomo Robert Wilson, do Observatório Real, concluiu que a lua adquiriu esse tom porque a luz do satélite viajou por nuvens carregadas de partículas de fumaça e cinzas de incêndios florestais em Alberta, no Canadá. Essas partículas atravessaram o Oceano Atlântico e pairaram sobre a Escócia durante o evento lunar, criando um espetáculo raro.

Uma lua “azul” não será vista novamente até janeiro de 2018, então aproveite para dar uma admirada no céu hoje! [CNN]

Último vídeo do nosso canal: A Terra não orbita exatamente o sol mas um ponto virtual no espao

8 comentários

  • Carlos Virgulino:

    Eu acho que tem gente que não entendeu o texto…
    E eu acho que com certa razão, pois etá confuso e não explica o porquê do “azul”.

    • Marcelo Ribeiro:

      Explica sim. É só ler com atenção: quer dizer que é um fenômeno raro. Tá ali, ó, ó!

  • Lucas Pereira:

    Tomara a foto que eu vou tirar saia em uma boa resolução,

    • Fernando Martinewski:

      A resolução é constante na sua máquina, então não precisa torcer. E a Lua será igualzinha a outros dias. Nada mudará nela.

  • João André Ferla Carvalho:

    Tem horario certo para ver , vai durar um certo tempo ou a noite toda?

    • Fernando Martinewski:

      Espero que a Lua não apague durante a noite hahaha! Cara, é a mesma Lua de sempre, lê de novo. Nada mudará.

  • Luis Filipe Velasco:

    e por que que será “Azul”??

  • Cesar Grossmann:

    É um azul metafórico.

Deixe seu comentário!