Encontrados 13 sarcófagos de 2,5 mil anos completamente selados em um lugar muito incomum

Por , em 8.09.2020
Sarcófagos encontrados no Egito
Crédito: Ministério do Turismo e Antiguidades do Egito

Em um local peculiar foram descobertos ao menos 13 sarcófagos de madeira de 2,5 mil anos na necrópole de Sacara, no Egito.

O que os torna extremamente raros dentre outros milhares do local é que estes estão totalmente intactos e lacrados.

Os sarcófagos foram descobertos empilhados dentro de um poço de sepultura de 11 metros de profundidade, de acordo com o Ministério do Turismo e Antiguidades do Egito. Seu estado de preservação é tão bom que até mesmo as cores da tinta original ainda podem ser observadas, reporta o Science Alert.

É possível que sejam encontrados ainda mais sarcófagos no poço funerário, de acordo com o ministro Khaled Al-Anani.

Tudo indica que Sacara foi uma necrópole de Memphis, a capital do antigo Egito. Durante três mil anos os antigos egípcios enterraram seus entes queridos no local.

Em Sacara não apenas os nobres ou oficiais importantes com seus pertences e animais eram enterrados, mas também pessoas de classe média e trabalhadora.

Arqueólogos conferem um sarcófago descoberto no Egito dentro do poço funerário
Arqueólogos conferem um sarcófago descoberto no Egito dentro do poço funerário. Crédito: Ministério do Turismo e Antiguidades do Egito

Não há nenhum tipo túmulo rico ou simples que seja imune aos saqueadores. Por isso quando sepulturas intactas são encontradas elas são consideradas grandes achados com ítens intocados.

Os sarcófagos são de madeira e estão secos, enterrados no deserto, portanto não devem também ter sofrido infiltrações naturais que poderia degradar seus conteúdos. Os conteúdos intactos poderão informar o quão importantes essas pessoas eram, aumentando a nossa compreensão do antigo Egito.

Pictografia descoberta na parte interna da tampa de um dos sarcófagos encontrados
Pictografia descoberta na parte interna da tampa de um dos sarcófagos encontrados. Crédito: Ministério do Turismo e Antiguidades do Egito

Logo os nomes e outros detalhes sobre as pessoas dentro dos sarcófagos serão revelados e novas investigações no local tem chance de descobrir ainda mais túmulos.

Até lá o Ministério vai transmitir inúmeros vídeos para promover a descoberta.

Artefato descoberto no poço funerário. Crédito: Ministério do Turismo e Antiguidades do Egito

Último vídeo do nosso canal: A Terra não orbita exatamente o sol mas um ponto virtual no espao

Deixe seu comentário!