Teoria: câncer surge do desenvolvimento de novas espécies de parasitas

Por , em 1.08.2011

Os pacientes com câncer podem sentir que criaturas alienígenas estão crescendo dentro de seus corpos, roubando-lhes a saúde e o vigor. Segundo um biólogo celular, elas estão corretas. Mas não são alienígenas que invadem seus corpos, e sim uma evolução de uma nova espécie de parasitas.

O biólogo Peter Duesberg argumenta que, ao contrário das crenças, o câncer não se desenvolve por mutações genéticas. Assim como os parasitas fazem, o câncer também necessita do hospedeiro para seu sustento.

Graças a essa relação parasita-hospedeiro, o câncer pode crescer o quanto ele quiser, para os locais que desejar. As células cancerosas não dependem de outras para sua sobrevivência, e desenvolvem padrões de cromossomos que são distintos dos hospedeiros humanos, de acordo com Peter Duesberg. Por isso, elas são consideradas novas espécies.

O biólogo diz que as teorias vigentes sobre a formação do câncer estão erradas. Em vez de partirem de mutações genéticas que estimulam as células a crescer em um ritmo acelerado, os tumores cancerígenos crescem a partir de interrupções de cromossomos inteiros.

Cromossomos contêm muitos genes, que copiados incorretamente, quebrados e omitidos, levam a dezenas de milhares de alterações genéticas. O resultado é uma célula com traços completamente novos, caracterizada como um novo fenótipo.

Tal teoria foi sugerida pela primeira vez em 1956 pelo biólogo evolucionista Julian Huxley, mas essa visão não é a que predomina nos dias de hoje.

Oncologistas e pesquisadores farmacêuticos estão estudando maneiras de encontrar e bloquear as mutações, com o objetivo de desligar o interruptor que acende a carcinogênese. Mas a terapia genética em grande parte não alcançou muitos resultados significativos.

Peter Duesberg diz que esses movimentos são equivocados. As mutações cromossômicas, chamadas de aneuploidia, são as causas que desestabilizam os padrões cromossômicos. Alguns dos cromossomos interrompidos são capazes de se dividir, semeando o câncer.

Duesberg diz que espera que a nova teoria estimule novos tipos de diagnósticos e tratamentos do câncer. Novos tratamentos poderiam ter como alvo as rupturas cromossômicas, ao invés de tentar, inutilmente, o desligamento dos genes. Testes cromossômicos poderiam encontrar a aneuploidia muito mais cedo, antes dos cromossomos danificados terem a chance de se dividir. [Gizmodo]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

9 comentários

  • mestry badahra:

    A ciencia está apanhando, desta forma que só aumenta nesta ultima decada .
    E as controversias são muitas,comentarios sobre a industria do tratamento, e outras ,maneiras de falar, onde algumas opiniões dizem que existe uma grande vantagem da industria farmaceutica, e congeneres , sobre doenças etc .
    E a classe dos escluidos e uma grande maioria de proletariosque estão longe dos tratamentos pagos, aguardam (contando com a sorte ) de serem incluidos,nos atuais pontos de atendimentos publicos, que são poucos para o numero dos que precisam.
    E asistimos em muitos casos (que poderia ser a atual falada energia quantica)Curas atravez de orações, que os lideres, exibem , com documentação e tudo .
    Mais o problema para o povo continua .

  • mako:

    Para saberem mais sobre isso vocês podem ver as pesquisas de simoncini, e os documentários sobre o assunto como o “Gerson’s Miracle” , “Cancer: the forbidden cure”, “Morrendo por não saber”…são muito bons…falam das curas do cancer já praticadas hoje em dia, mas principalmente no méxico, pois esse tipo de cura foi banido dos estados unidos pelas grandes corporações médicas e farmacêuticas.

    • mako:

      aliás, a cura é assustadoramente fácil, nada de remédios… falando assim parece simplesmente medicina alternativa, mas quando se vê os resultados e argumentos você vê um ponto de razão para essa opção de cura, até porque quimioterapia e radioterapia fazem 95% dos pacientes morrerem, por prejudicarem mais o corpo do que curar.

  • Cibernática:

    e segundo essa teoria como e porque ocorrem metástases?

  • Fernando:

    Há um livro muito bom que deve ser lido:
    A CURA QUÂNTICA, O poder da mente e da consciência na busca da saúde integral. Do medico indiano Dr. Deepak Chopra.

    • Baw:

      Também conhecido como um dos maiores charlatões que pregam misticismo quântico sem fundamento do mundo.

      Isso é o que acontece quando Chopra encontra um físico de verdade:
      http://www.youtube.com/watch?v=-y5D7q1O1Uk

    • tainã:

      infelizmente mtos ”leitores” do hypescience nao acreditam na cura atraves d a mente. é, existem pessoas q nao tem visao além do ´proprio umbigo., qndo citei a cura pela mente, em um outro post, fui taxada de maluca q lia revistinhas superinteressante. só q os malucos são eles, q tem a visão tão limitada qnto o povo na epoca d galileu galilei e outros visionários e sábios.

  • eduardo:

    “O biólogo Peter Duesberg argumenta que, ao contrário das crenças, o câncer não se desenvolve por mutações genéticas. Assim como os parasitas fazem, o câncer também necessita do hospedeiro para seu sustento.”

    Crenças???… eu cresci vendo em pesquisas que uma das causas do câncer é justamente mutações genéticas.

  • HlhD:

    Fantástico… faz muito sentido.

Deixe seu comentário!