Um cachorro nadando com uma baleia assassina [vídeo]

Por , em 21.11.2012

A pequena praia Matheson Bay, na Nova Zelândia, foi cenário de um inesperado encontro entre mergulhadores, um cachorro e um grupo de orcas, que ficaram conhecidas como “baleias assassinas”.

Pescadores estavam terminando seu mergulho quando perceberam orcas a menos de 20 metros de distância. Atordoados, eles subiram em uma rocha e esperaram cerca de 15 minutos até as orcas saírem das proximidades e eles poderem nadar até a costa.

A cena foi assustadora, mas não acabou por aí. Em seguida, a orca perdeu o interesse nos nadadores e se voltou contra um cachorro labrador que apareceu na água. O cachorro foi parar lá porque um homem estava lançando bastões de madeira para o animal ir até ao encontro da baleia assassina. Atitude classificada como “irresponsável e estúpida” pela Sociedade da Prevenção à Crueldade contra os Animais (SPCA).

Apesar disso, acredita-se que nem os pescadores nem os cachorros corriam grande perigo. Apesar do nome ameaçador, não há nenhum relato de que alguma baleia assassina tenha matado seres humanos ou cachorros na vida selvagem.

Orcas têm dietas diferentes dependendo da região em que vivem – e nenhuma dela inclui homens ou cães. Elas provavelmente se aproximaram da costa em busca de arraias, o lanche preferido desses mamíferos aquáticos na Nova Zelândia. [Life’s Little Mysteries]

Vote: 1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

3 comentários

  • Fabio Gomes:

    Como é a natureza!
    Até os grandes rei dos mares respeitam a raça humana e um pequeno cachorro!!!

  • Antonio Carlos Docarmo:

    Os animais mostra como podemos conviver bem mesmo sendo tão diferentes!

  • Valdeir:

    (de meu filho miguel de 7 anos):

    Quem diria que essas baleias estão ficando tão mansas. Até os cachorros podem ir lá e tudo bem. Adoro vira-latas. Eu gosto quando eles rasgam o saco de lixo da mamãe.
    Sabia que as baleias assassinas comem as brancas.

Deixe seu comentário!