10 Inacreditáveis propagandas de cocaína e outras drogas

Publicado em 10.11.2008

Cocaína, morfina e até heroína eram vistos como remédios miraculosos quando foram descobertos. As substâncias que hoje são proibidas estavam legalmente disponíveis no passado. Os fabricantes de medicamentos, muitos dos quais existem até hoje, proclamavam até o final do século 19 que seus produtos continham estas drogas. Abaixo veja dez impressionantes propagandas antigas. Não deixe de ler até o final.

10. Heroína da Bayer

propaganda maluca

Um frasco de heroína da Bayer. Entre 1890 a 1910 a heroína era divulgada como um substituto não viciante da morfina e remédio contra tosse para crianças.

9. Vinho de coca

propaganda maluca

O vinho de coca da Metcalf era um de uma grande quantidade de vinhos que continham coca disponíveis no mercado. Todos afirmavam que tinham efeitos medicinais, mas indubitavelmente eram consumidos pelo seu valor “recreador” também.

8. Vinho Mariani

propaganda maluca

O Vinho Mariani (1865) era o principal vinho de coca do seu tempo. O Papa Leão XIII carregava um frasco de Vinho Mariani consigo e premiou seu criador, Angelo Mariani, com uma medalha de ouro.

7. Maltine

propaganda maluca

Esse vinho de coca foi feito pela Maltine Manufacturing Company de Nova York. A dosagem indicada diz: “Uma taça cheia junto com, ou imediatamente após, as refeições. Crianças em proporção.”

6. Peso de papel

propaganda maluca

Um peso de papel promocional da C.F. Boehringer & Soehne (Mannheim, Alemanha), “os maiores fabricantes do mundo de quinino e cocaína”. Este fabricante tinha orgulho em sua posição de líder no mercado de cocaína.

5. Glico-Heroína

propaganda maluca

Propaganda de heroína da Martin H. Smith Company, de Nova York. A heroína era amplamente usada não apenas como analgésico, mas também como remédio contra asma, tosse e pneumonia. Misturar heroína com glicerina (e comumente açúcar e temperos) tornada o opiáceo amargo mais palatável para a ingestão oral.

4. Ópio para asma

propaganda maluca

Esse National Vaporizer Vapor-OL era indicado “Para asma e outras afecções espasmódicas”. O líquido volátil era colocado em uma panela e aquecido por um lampião de querosene.

3. Tablete de cocaína (1900)

propaganda maluca

Estes tabletes de cocaína eram “indispensáveis para cantores, professores e oradores”. Eles também aquietavam dor de garganta e davam um efeito “animador” para que estes profissionais atingissem o máximo de sua performance.

2. “Drops de Cocaína para Dor de Dente – Cura instantânea”

propaganda maluca

Dropes de cocaína para dor de dente (1885) eram populares para crianças. Não apenas acabava com a dor, mas também melhorava o “humor” dos usuários.

1. Ópio para bebês recém-nascidos

propaganda maluca

Você acha que a nossa vida moderna é confortável? Antigamente para aquietar bebês recém-nascidos não era necessário um grande esforço dos pais, mas sim, ópio.

Esse frasco de paregórico (sedativo) da Stickney and Poor era uma mistura de ópio de álcool que era distribuída do mesmo modo que os temperos pelos quais a empresa era conhecida.

“Dose – [Para crianças com] cinco dias, 3 gotas. Duas semanas, 8 gotas. Cinco anos, 25 gotas. Adultos, uma colher cheia.”

O produto era muito potente, e continha 46% de álcool. [Oddee]

Autor: Cezar Ribas

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

87 Comentários

  1. Cocaína, heroína, maconha… drogas que sim foram proibidas e hoje são indiretamente utilizadas como base pra outros medicamentos, e assim o comércio fatura bilhões!!! Bem, o tráfico nada mais é que um grande concorrente, e deveria sim liberar e acabar com essa concorrência e ao invés inibir, talvez controlar!! E aos poucos não haveria mais o trafico… pq este só existe devido a proibição!

    Thumb up 48
  2. Este testo nao demonstra que os antigos eram malucos e sim que as leis de hoje existem so para permitir um trafico de bilhoes de dolares com a complicidade de bancos e governos (quando o dinheiro é tanto assim, nao pode se “limpar” sem a complicidade dos bancos).
    Demonstra tambem que hypescience nao tem nada a ver com sciencia. A distinçao entre remedio e droga nao tem nada de scientifico (em ingles so tem uma palavra para os dois: drugs.
    Na verdade a maioria dos remedios-drogas de que se fala nesse testo ainda sao remedios usados:

    -A heroina tem o mesmo identico efeito de todos os outros analgesicos opiaceos do mundo. A heroina sumiu do mercado legal. ficaram a morfina, a codeina, oxycodone, oxymorphone, hydrocodone, propoxifene, fentanyl etc. etc…. resultado: so a heroina custa 50 dolares por grama com milhoes de jovens que arriscam a vida e aliberdade para comprar e tomar.

    -A cocaina foi substituida por outros analgesicos locais como novocaina, carbocaina, lidocaina, procaina etc… de novo, resultado: destes remedios so a cocaina custa um monte de dinheiro e quem quer tomar acaba fazendoo de uma maneira descontrolada e doente.

    se juntarmos o fato da lei proibir nao so a cocaina e a heroina mas tambem a cultivaçao caseira seja so de uma plantinha de coca ou papoula de opium, (sem falar da proibiçao da maconha) da pra ver que os malucos e os criminais somo nos hoje…

    Thumb up 26
    • Eu sou favorável à liberação de drogas de uso recreativo para o comércio. Porém devo ressaltar que a heroína é a droga estudada para tal fim como a de maior grau de dependência:

      http://dobrochan.ru/src/pdf/1109/lancetnorway.pdf

      E os anestésicos locais atualmente existentes não causam o efeito no sistema nervoso centra, tal qual a cocaína que possui claramente um efeito adrenérgico importante.

      Thumb up 2
  3. As ideologias e a fé sempre foram reféns do mercado e dos interesses do poder, até mesmo antes do capitalismo.

    Thumb up 6
    • Bolsa escola nela!

      Thumb up 19
    • eu considero muita ingenuidade presumir que todos os casos eram fruto de ‘inocente’ desconhecimento. a maioria dessas substancias foram industrializadas porque já eram viciantes na própria origem. sim, era uma época de se amarrar cachorro com linguiça, mas os fabricantes das linguiças sabiam das fugas!

      Thumb up 9
    • Perde mais tempo com isso não…

      Thumb up 0
  4. Eu não tomo coca-cola nem pepsi-cola nem outro refrigerandte pois são puro produto químico viciante, por outro lado eu fumo affff!

    Thumb up 5
  5. Não é a toa que a coca-cola é o refri mais vendido no mundo… Apesar de ter retirado a coca dela, ainda continua uma droga, essa droga é uma droga e vicia sim! Ow tem gente que naum larga isso não é do capeta!!!

    Thumb up 5
  6. Não tem jeito, o bicho homem é capaz de desvirtuar a utilidade de qualquer objeto, substância ou produto conforme seu interesse.

    Thumb up 20
  7. Cada época com suas crenças e tecnologias, recentemente muitos consagrados remédios foram proíbidos por causarem danos a saúde, assim muitos que hoje consideramos também seram condenados.
    Só não entendo porque o flúor não foi proibido em muitos paises e em outros desenvolvidos foram por maleficios, sendo que os Nazistas foram os primeiros a usarem nos campos de concentração. O alumínio também tem má fama pode causar alzeimer, parkinson e artrose e ainda usamos panelas dele. para meditar…

    Thumb up 23
    • A proxima geração vai dizer… “Meu Deus, eles tomavam Aspirina!!”

      Thumb up 8
    • Os nazistas utilizavam o fluor para “pacificar” os judeus antes da execução, assim com os políticos de países subdesenvolvidos o utilizam para manter a população sob controle. Afinal, em nenhum dos casos se queria pessoas rebeladas!!

      Thumb up 3
  8. Cada época com suas crenças e tecnologias, recentemente muitos consagrados remédios foram proíbidos por causarem danos a saúde, assim muitos que hoje consideramos também seram condenados.
    Só não entendo porque o flúor não foi proibido em muitos paises e em outros desenvolvidos foram por maleficios, sendo que os Nazistas foram os primeiros a usarem nos campos de concentração. O alumínio também tem má fama pode causar alzeimer, parkinson e artrose e ainda usamos panelas dele. para meditar…

    Thumb up 6
  9. ahahahahaha!
    mas q lokura!
    quem diria a bayer fabricando ampola de heroina
    pastilha pra dor de dente a base de coca
    tm q adimitir chega ate ser ilario uma coisa dessas
    imagina , eu tnho uma dor de dente
    sem problema ! eu tenho uma “pastilhinha” q vai resolver
    alivio imediato
    aahahahahahaha!
    q dor de garganta , pega ai a ampola da bayer
    e num é q funciona mermo
    num to sentindo mais nada nem a garganta!
    aahahahahahahah!
    naum, mas a do vinho foi o apice
    até o papa tava no rolo

    É como dizia RAUL SEIXAS
    “Qunado acabar o maluco sou eu”.

    Thumb up 18
    • otimo testo

      Thumb up 1
  10. Naquele tempo, não se sabia do perigo destas substâncias, aos poucos isso foi sendo descoberto!

    Thumb up 13
  11. Grande coisa essas drogas industrializadas e as polêmicas que as cercam….o açucar destroi pelo diabetes e não é considerado droga, gordura animal e vegetal fulmina milhares e não é considerado droga, álcool causa um monte de desgraças e seu consumo é livre, todos eles estão a vontade inclusive para as crianças que nem sabem a merda que será seu futuro. Deixem livre o tipo de droga que se quer usar, deixem livre as pessoas acabarem ou não com a saúde como quiserem, o dinheiro dos impostos sobra e muito para construir hospitais, clínicas psiquiatricas, cemitérios etc…parem de culpar as drogas, é o governo corrupto que deve arcar com tudo, o sistema corrompido esta rico, rico, rico…tem muuuuito $$$ nos cofres. Todos poderiam ter uma vida maravilhosa com o $$$ dos impostos, mas é uma longa história, esquece, me da ópio aíí vai(só para suportar os políticos).

    Thumb up 70
  12. Magno Pereira

    Magno, assim como vc toma um copo de coca-cola todos os dias, algumas pessoas têm que tomar café todos os dias. Creio que pelo costume, p/ ficar mais alerta e pelo sabor agradável.
    Não acredito que a coca-cola tenha cocaína, ela não provoca dependência. Vc pode deixar de tomar a coca-cola e certamente não sentirá qualquer síndrome de abstinência. A cocaína atua inibindo a recaptação de monoaminas e aumentando a ação dessas substâncias no cérebro (como a dopamina, provocando a sensação de bem-estar). Nunca vi nenhum estudo que indicasse que a coca-cola tivesse ação semelhante e nunca senti bem-estar ao tomar coca-cola (e larguei o vício de coca-cola sem sentir qualquer síndrome de abstinência).

    Thumb up 12
    • MEU DEUS! KKKKKKKKKKKKKKKKKKK

      Thumb up 3
  13. Paradox of time. Can we apply the lifestyle and expectations of one slow moving period of time to our high-speed world …where anything goes. Today…every drug on this list is available in some form by prescription. None of us, unless reader is pushing 100 years of age, can relate to the “good old days” represented in this article…but are we the worst or the better for it?

    Thumb up 5
  14. A tendencia é evoluir e a humanidade caminha nessa direção. Tendo isso em vista, é fácil compreender o porque dessas substâncias terem sido usadas e proibidas. Certamente foram proibidas na intenção de um bem maior mas, como não era de se prever, afetaram a sociedade(com o tráfico)e a política,(com a corrupção).Esses são problemas que devem ser discutidos com seriedade pelos governantes tentando estudar todas as possibilidades, até mesmo, quem sabe, legalizar. No entanto, seja qual for a solução ela não será absoluta, pois sempre surgem “efeitos colaterais”.Na verdade, ninguém sabia que proibindo um remédio iria causar tantos problemas. Sendo assim, se for legalizado, certamente será bom por um lado(vai diminuir a violencia e acabar com o poder do tráfico e etc) mas vai agravar outros(mais mortes e aumento de depêndentes químicos e etc). Resumindo, todo o remédio tem um efeito colateral, o importante é trabalhar para um bem maior.

    Thumb up 6
  15. Tem gente doida pensando que o refrigerante coca-cola possui cocaína em sua formula. Se realmente tivesse a pessoa que descobrisse iria ganhar uma fortuna com indenizações

    Thumb up 4
  16. Somos cobaias e esse termo “drogas” é sempre diferente conforme a época. Com certeza os medicamentos que as pessoas consomem com receituário e tidos como paneceias são drogas viciantes. Minha mãe teve parkson medicamentoso e 3 neurologistas nem quiseram discutir comigo pois eles sabiam, haviam estudado… tudo começa assim: uma pessoa de idade se machuca, toma antinflamatório/analgésico, tem tontura alguns dias depois, passam remédio para labirintite e bingo, parkson em 4 semanas. Como com a idade o metabolismo é lento, demora no mínimo 3 meses pra parar de tremer. Fiz pesquisa pela net e descobri: 40% do parkson no mundo é de origem medicamentosa. E quem sabe disso? e quem discute com um médico e mais, com 3 e bate o pé e diz não vai tomar mais remédio nenhum…Resultado: minha mãe tem 72 anos, está ótima e sobe até no telhado pra arrumar antena. Ou seja, remédio, todos, são drogas sempre. E os velhos e as crianças são as maiores vítimas. “de tanto tomar remédio acabou doente”.

    Thumb up 23
  17. Diante de tais informações, temos que tentar uma entrevista exclusiva com O Boticário, que na época não era loja de perfumes…

    Thumb up 5
  18. Não irei toma mais coca-cola, não sabia disso. Ouvia falar mais pensei que fosse boato. Agora que sei da verdade, não serei consumidor de cocaína, incentivando a violencia e enchendo o bolso do tráfico.

    Thumb up 2
    • Mas a “coca” da Coca-Cola não é proveniente do tráfico rs
      Só as que os filhinhos de papai andam cheirando por aí….

      Thumb up 2
  19. Desde os tempos remotos da civilização humana, que sempre foram utilizados todas estas substâncias porém, eram de uso em quantidades reduzidas e, óbviamente administradas com conhecimento ” tradicional “; Era transmitido pelos mais velhos, que posuíam o conhecimento de quanto era benéfico sem nunca descurar os malefícios que poderiam causar em caso de toma excessiva e, ou inadevertida!
    Não vejo onde está a estraheza, isto porque era perfeitamente ajustado a época e, hoje em dia há biliões de pessoas medicadas com receituário médico a ingerirem estas mesmas substâncias…

    Thumb up 0
  20. Interessantíssima matéria… já indiquei a leitura e o site ao amigos… meu elogio às “considerações” (16-02-2009) do Athos.

    Thumb up 0
  21. Gente, materia bacana, todos que se preocupam com a saúde e bem estar da comunidade deveria ler esta materia. Outra coisa, muita informação foi passada e há uma também que logo se tornará antiga: veja propaganda do cigarro antes, agora proibida, da bebida(hoje so ta liberada a propaganda da cerveja, com moderação), assim por diante…..

    Thumb up 0
  22. Magno, Renato disse tudo; você precisa tomar uma coca-cola por dia por causa da cafeína mesmo. Você deve ser da “geração coca-cola”, eu sou da “geração café”, que é anterior a sua. Eu por exemplo se não tomar duas xícaras de café por dia (uma no café da manhã e outra no jantar) com certeza terei dor de cabeça, além de me sentir mais indisposto.
    Pirajá disse o principal (ou foi Paracelso – rsss): “A diferença entre remédio e veneno está na dose”. E legalizar as drogas é um caso a pensar. O álcool é permitido e, por causa deles, várias vidas são ceifadas todos os dias, principalmente no trânsito, sem falar nas doenças que causa. Então acho que legalizar as drogas não é a solução, do mesmo jeito que proibir o álcool o seja. A solução está na informação, ou seja, na Educação. Coisa que os políticos pouco estão interessados. Afinal, a profissão de “professor”, que era para ser a mais bem remunerada, é uma das mais desvalorizada nesse país.

    Thumb up 0
  23. Incrível como a ciência através de caríssimos estudos criam substâncias que “prometem” acabar e tratar determinadas enfermidades e sintomas e, depois de muito tempo, quando se descobre o uso indiscriminado dessas mesmas substâncias pode se tornar tão prejudicial à saúde humana e até a sociedade como um todo.
    Peço à Deus que ilumine e levante outras pessoas com sabedoria e conhecimento para fazer cair por terra todo o mal que determinadas substâncias e fármacos fazem mal a vida e a sociedade, muitas vezes desinformadas e em busca de melhor condições de vida e bem estar.

    Thumb up 0
  24. algumas considerações

    comentário 2-admin. a Coca-cola foi criada em 1886 para rivalizar com o tal Vinho Mariani. Ambos possuíam o alcalóide cocaína e isso explica um pouco a popularidade que ambos alcançaram na época e somente pelo início do século XX a coca-cola afirma ter removido a cocaína de sua receita.

    comentário 10-Flávia, consta que a Lei de Entorpecentes, responsável por jogar a cocaína na ilegalidade, é de 1921 e que em 1926 já se criou a primeira delegacia especializada no “combate aos entorpecentes e ao falso espiritismo”, logo, na década de 50, já não se vendia mais cocaína nas farmácias brasileiras.

    comentário 11-Carvalho. imaginar uma desordem pública por parte dos,hoje, traficantes exigindo que se retorne à ilegalidade para a manutenção do estado penal ilícito onde o tráfico pode existir está mais para um bom livro de ficção. Nos EUA quando o fim da lei seca tirou o álcool da ilegalidade o que se viu foi o desmantelamento da estrutura do crime de Chicago, por exemplo, do qual Al Capone é o mais famoso expoente.

    comentário 15-Nidiane. Por quê se assustar com as coisas que o povo fazia naquela época?
    Será que é difícil conseguir cocaína hoje em dia?
    Será que o número de pessoas que naquela época comprava tais remédios é muito diferente do número de pessoas que experimentam ou já experimentaram a cocaína em nossa época?
    Você, compraria um punhado de cocaína em pó para fazer uma festinha com suas amigas caso fosse legalizada?

    comentário 21-Wilson. Realmente, essa é uma hipocrisia muito grande, mas imaginar que as pessoas irão parar de usar uma substância somente pela sua ilegalidade é um pouco ingênuo. Algo ilegal é somente uma desculpa para um comércio ilegal.

    comentário 32-Alfredo. A proibição não extirpou o consumo e “pelo bem da saúde pública” centenas de milhares de pessoas perderam e perdem a vida todos os dias na pretensa “guerra às drogas” que já dura quase um século e está longe, muito longe de ser ganha. Se é que existe interesse em vencê-la enquanto quem está perdendo é o nosso lado. E feio. Ou você realmente acha que a violência que existe pelo comércio ilegal de drogas nas cidades brasileiras se dá pelas propriedades particulares dessas substâncias e não pelo simples fato de serem proibidas?

    Thumb up 1
  25. Vendo máquina de voltar no tempo… brincadeira…e parabéns ao comentário de número 10- Flávia em 11.11.2008
    Bem que esta galera podia se organizar para uma “mesa redonda” sobre o assunto. Quem Sabe isso surge algum efeito.
    Em SP temos espaço (Na faixa, De Graça, Free, 0800) para o encontro
    Meu contato para o Assunto: davidsonalvim@hotmail.com.

    Parabéns a quem teve a ideia inicial…Com toda Certeza dispenso opniões hipócritas sobre o assunto em questão.

    Thumb up 0
  26. e o papa doidão ainda deu uma medalha de ouro pro fabricante do seu “remedinho”…como mudou as coisas!!!!!!

    Thumb up 0
  27. Concordo com o Renato. Tudo o que eu queria dizer ele disse.
    A única diferença dessas drogas para as vendidas HOJE em farmácias, é que essas foram proíbidas, em razão do LOBY da indústria farmacêutica. Até uma crinaça sabe disso.

    Thumb up 1
  28. Eu não sei por que Elixir Paregórico é tão controlado. Por favor alguém me explique.

    Thumb up 0
  29. Hehehe, comPrei dia desses elexir Paregórico e achei estranho a balconista solicitar uma chave do armário Para Pegar Pra mim, quando indaguei o Por que dele estar em um armário trancado,se estava Proibido como gotas de bineli, a mesma só me disse q é Porque estava em demonstracão…(???, resPosta sem nexo né? e aqui descobri o Porque. Parabéns Pelas incríveis revelacoes aqui! Voltarei semPre!

    Thumb up 0
  30. Perdónenme que no sepa escribir en su idioma y que utilice el vecino castellano, no quisiera hacer incomprensible mi explicación por querer hacer lo que no sé.

    Todo y que no es una droga propiamente dicha, cuando era pequeño los médicos recomendaban un producto llamado “Quina San Clemente” para abrir el apetito de los niños. Dicho producto no era otra cosa que vino de muy alta graduación.

    Afortunadamente hace muchos años que no lo recomiendan.

    Thumb up 0
  31. Interessante notar que essas substâncias todas, que foram desenvolvidas por farmaceuticos, não causavam guerras com exércitos armado atirando uns nos outros, atirando em civis, corrompendo o Estado*, nem nada disso.

    Você não via o exército da Bayer controlando áreas e invadindo o território da Stickney and Poor e espalhando o terror. A quem o proibicionismo atendeu e a quem ele interessa?

    *Bem, qualquer empresa com muito dinheiro pode corromper o Estado, não importando o que seja produzido, basta que haja grana, mas vcs entenderam que tipo de corrupção que gera, e mais importante, os outros “efeitos colaterais” que o proibicionismo gerou.

    Thumb up 0
  32. Não é questão de proibir por proibir. Naquela época, não havia muito conhecimento sobre os efeitos colaterais que essas substâncias produziam. Quando foi provado que esses produtos causavam sérios efeitos colaterais, os mesmos foram retirados do mercado. Esse processo ocorre até hoje. Frequentemente vemos reportagens anunciando a proibição da venda de certo medicamento, pois o mesmo possuía efeitos colaterais graves. Foram proibidos para o bem da saúde pública.

    Thumb up 0
  33. Bom, minha avó era enfermeira e eu cresci sabendo que substâncias como heroína, morfina e cocaína eram utilizadas como medicamento. Aliás, como dito em um comentário anterior, algumas continuam sendo utilizadas e existem outras, não citadas, que são viciantes também, sendo comercializadas em farmácias (tarjas pretas).

    Achei o post fantástico, por mostrar que, o que hoje é proibido, antigamente era largamente anunciado, vendido em qualquer drogaria. Mas, o legal mesmo é pensar “em que ponto isso se disvirtuou?”, o que leva uma droga (pois todo medicamento é uma droga, daí o nome de “drogaria” ao estabelecimento que as vendem) tornar-se algo tão perigoso. E, o pior, o que leva um ser humano a ter o primeiro contato e acabar viciando-se?

    Tomei muito elixir paregórico quando pequena e nem por isso só usuária de ópio. E, obviamente, a grande maioria dos viciados em morfina, por exemplo, que mantêm o círculo lucrativo do tráfico, não são os pacientes terminais de câncer…

    Thumb up 0
  34. Sociedade puiritana, cínica e ignogrante ou sociedade manipulada por industrias farmaceuticas? Sociedade controlada e sugestionada com os movimentos de moda mundial sem se preocupar com as verdadieras razões: sempore econômicas.
    Por que não investigar históricamente e profundamente as razões da classificação de princípios ativos do Demônio, do Mal, que gerararam uma economia paralela com seu respectivo poder que hoje manipula governos e sabe lá o que mais.
    Lamentável. Propibir por proibir!

    Thumb up 0
  35. Achei deveras interessante este artigo…introduzi o link no meu blog…neus agradecimentos

    Thumb up 0
  36. Olha, eu sou viciado em coca-cola…
    Bebo +- 1 litro por dia..
    Quanod paro de tomar no dia seguinte me da uma dor de cabeça fudida q fica por 2 ou 3 dias…
    Ja consegui ficar 40 dias sem, mas voltei a tomar pq simplesmente não consigo me livrar… e sempre q tento parar tenho fortissimas dores de cabeça!
    Abs

    Thumb up 0
  37. O mesmo Marketing de ontem e hoje vendendo promessas que o povo (leia-se a massa ignorante – e que é a grande maioria) consome sem pensar e se tornam escravos dos poderosos…

    Thumb up 0
  38. Boms tempos aqueles, onde o préconceito com a cultura das drogas não existia.
    A que bom seria se hoje em dia as loucuras fossem como antigamente.

    Thumb up 0
  39. Há drogas piores e atualmente lícitas, disponíveis nas farmácias e receitadas por médicos… As únicas diferenças são que elas não foram proibidas, são produzidas por poderosas indústrias farmacêuticas, são MUITO mais caras, mais viciantes e não podem ser produzidas no fundo do quintal de qq um. Umas delas, anfetamina, muito usada por pessoas(maioria mulheres) que desejam emagrecimento rápido, é uma droga com efeito semelhante à cocaína, só que o efeito dura 10horas, a cocaína dura 30 minutos. Morfina é largamente usada em hospitais e há muitos médicos viciados nela. Benzodiazepinicos são usados indiscrimanadamente por todos os estressados do mundo moderno, e por aí vai. Usamos drogas para tudo, só que algumas naturais foram proibidas pela poderosa indústria farmacêutica. Se coca-cola tem a substância cocaína? NÃO, pra que manter uma substância proibida mundialmente, e por isso mal vista, se temos a cafeína, uma droga LIBERADA, mais barata e que temos uma grande parcela da sociedade já VICIADA nela?

    Thumb up 0
  40. Olá! Muito interessante o tema contido nas propagandas.
    Estou levando para a comunidade ‘Harém do Brasil’ (Orkut). E pode deixa que colocarei o link daqui.

    Thumb up 0
  41. Interessante essa matéria…
    Porque tipo, mostra que se essas drogas realmete fazem tanto mal, como que antigamente até crianças usavam e não tinham problema? Até ficavam mais alegres…rsrsrsr
    Enfim, não tenho nenhuma experiência com drogas (exceto:COCA-COLA).
    Acho que é como dizem: “Tudo de mais é veneno”.
    O que de fato torna uma pessoa dependente dessas drogas, com certeza, é a quantidade que ela consome. Então, por via das dúvidas, o melhor mesmo, é não consumí-las.

    Thumb up 0
  42. Estão impressionados a toa, o elixir paregórico é fabricado e usado até hoje no Brasil e em diversos países, só leva calcio na fórmula para doer se for injetado na veia! Eita falta de informação!!!

    Thumb up 0
  43. Agora sei porque os antigos fizeram duas guerras mundiais;estavam doidos demais.Ainda bem que proibiram mas ainda existem idiotas que a usam financiando o crime organizado e depois vão as ruas de branco fazendo passeata pela paz.Que hipocrisia!!!

    Thumb up 0
  44. Muito boa essa materia… a internet precisa disso
    materias explicitas de coisas interessantes e inteligentes!!!

    Thumb up 0
  45. Olá, Thiago,

    Pode copiar um ou dois parágrafos. Em seguida você pode colocar um link para o visitante ler no aqui site original.

  46. parabens pelo site!!
    é a primeira vez q eu venho aqui e me deparo já de cara com essa excelente matéria!

    com sua permissão postarei esta noticia em meu blog (com os devidos créditos)

    abraço

    Thumb up 0
  47. O uso de detreminados intorpecentes era muitíssimo comum no passado. Excelente retrospecto. Recomendarei esta leitura.

    Thumb up 0
  48. Prezado Magno. Vc toma todo dia coca-cola porque é viciado, pelo motivo dos componentes, pincipalmente a coca, causar dependência.

    Thumb up 0
  49. Nossa… essa matéria foi espetacular!!!
    Nunca poderia imaginar que antigamente a cocaína e algumas outras dorgas pudessem ser usadas desse modo.
    É… a cada dia que passa me surpreendo mais ainda com as coisas que o povo fazia naquela época rsrsrsr!!!
    Vocês estão de parabéns, a mataria foi sensacional.
    Abraços!

    Thumb up 0
  50. Sou Graduando em biomedicina pela uninove, vila maria, ontem tivemos uma palestra com integrantes do CIEE um centro integrado de assuntos voltados as drogas.
    Fiz a seguinte pergunta ao palestrante: tenho o hábito de tomar pelo menos uma coca-cola ao dia e observei que de acordo com os slades a coca ou folha ou qualquer componente foi retirado pela coca-cola em 1906:pergunto, pelos meus connhecimentos químicos posso afirmar que tão somente a cafeína contida na formula da coca-cola não me ‘obrigaria” a tomar uma coca por dia, o palestrante que é médico psiquiatra não sabia o que responder…vcs podem??????

    Thumb up 0
  51. lololol… perceberam o anúncio do google nessa página? na minha está aparecendo: Visite a argentina..lolol
    pelo pouco que sei, o anúncio do google se relaciona com os termos que aparecem na página, então o termo cocaína se vinculou diretamente à argentina… só pode ser por causa daquele bolo de pó do diego maradona

    Thumb up 0
  52. Jader, era uma droga mesmo, mas era óleo de ríceno, ou oléo de mamona pra quem não sabe é a mesma coisa.
    Quanto a reportagem, de fato fantástica, mas não pensem que até hoje coisas do tipo não acontecem. A algum tempo atrás todos falavam dos benefícios incríveis da gordura trans hoje ela é vilã, na mesma época a manteiga tradicional foi condenada e hoje muitos especialistas afirmam que ela é uma opção melhor do que a margarina convencional com gordura vegetal hidrogenada e tantas outras coisas que ainda vamos descobrir. No campo dos remédios também não é diferente, muito embora os controles e orgãos reguladores sejam muito mais rígidos volta e meia se recolhe um medicamento porque se descobriu que ele contém um efeito colateral fortíssimo, eu mesmo por mais de 10 anos tomei um medicamento que levava na bula os dizere: “Devido a razões que não foram completamente esclarecidas o principio ativo deste medicamento produz incremento do apetite” e nas contra indicações ainda se lia coisas como “Não foi completamente descoberta a sua ação em gestantes, lactantes e crianças até cinco anos…” obviamente a transcrição está com minhas palavras, mas dá para se ter uma idéia de que nem tudo é como muita gente pensa.
    Um abraço e parabéns pela matéria. Vou publica-la em meu blog, com a devida citação dos créditos e fonte.
    Um abraço

    Thumb up 0
  53. Olho de RICINO? num éra ÓLEO de RICINO?

    huahauahua

    Ainda acho que essa droga deveria ser comercializada e controlada pelo governo, gerando uma receita violenta, e ainda acabando com o tráfico, já que poderia encontrar numa farmácia qualquer. Enfim, mas como tudo é motivo de desordem, não demoraria muito os bandidos começarem a saquear as farmácias, atear fogo em ônibus, etc. Exigindo do governo que estão tendo prejuízos com a venda legal da Droga, e é ainda capaz do governo recuar e concordar com o bandido. Já que a lei nunca favorece o trabalhador, apenas Políticos e Bandidos… que afina na maioria políticos e bandidos são reciprocos.

    Thumb up 0
  54. No Brasil, ainda na década e 50 vendia-se cocaína em farmacias brasileiras. Grandes mestres basileiros, das mais diversas áreas faziam uso da coca para terem maior disposição para o estudo.
    Acredito na eficácia destes produtos em alguns tratamentos específicos sim, claro que em dosagens adequadas e sob orientação médica.
    O grande problema acredito, seja a incapaciade dos governantes mundiais em controlar o mercado e uso, e ou, o pior, o interesse em controlar a venda para enriquecimento próprio (parceria governante de onde a espécie é nativa e os de algumas grandes potências). Assim sendo, é mais fácil tornar ilícito o consumo, pois encarece o produto e poucos tem o poder (e coragem) para comercializa-los.

    Thumb up 0
  55. As drogas são componentes naturais, criados por Deus. O que as tornam perigosas é o fato de a humanidade ser irresponsavel o bastante para não saber usa-las. Garanto que naquele tempo não havia ainda criminalidade devido ao uso de tais drogas.

    Thumb up 0
  56. Com referencia ao comentário nº 2, feito pela adm em resposta à pergunta formulada pelo Nilson de A. Ferreira, quando informa que a Coca-Cola não utiliza cocaína na sua formulação, pergunta-se: 1) Por que então colocam as folhas da coca na preparação ? Não será para extrair o principio ativo, que vem a ser a cocaina ? E porque essa multinacional é a única empresa de refrigerantes do mundo com autorização para utilizar a folha de coca, em produtos destinados ao consumo popular ? Será porque faz parte da “elite Bilderberger” ?

    Thumb up 0
  57. Cara,não sou desse tempo…mas sou do tempo do OLHO DE RICINO que não era intorpecente mas era uma ” droga” …heheh

    Thumb up 0
  58. Helena, faz muito tempo e ninguém daquela época é vivo, por isso ninguém comenta.

    Thumb up 0
  59. Engraçado!! Nossos famílias não comentam nada sobre isto. Só o quê importava era abafar o assunto!! Provavelmente as drogas que existem hoje foram fabricadas por farmaceuticos. Já que desde 1885 eles manipulavam este componente!!! Como derepende virou o quê é hoje. Tirando o poder de capital que esta atividade têm.

    Thumb up 0
  60. Além do tema Propaganda de Drogas, ocorreu-me um outro bem interessante sobre cigarro. Em publicidades bem antigas o fumo é enaltecido como extremamente benéfico ao sistema respiratório ou aos pulmões, não estou bem certo. Se não me engano, li também da importância de sua utilização em termos de elegância. Jornais aí da década de 30 ou 40.

    Thumb up 0
  61. Olá, Nilson. A Coca-cola nunca usou cocaína. Ela usava e ainda leva em sua fabricação folhas de coca.

  62. Sou adepto as noticias nuas e cruas.
    Por muito, fui adepto a leitura da revista superinteressante, que por algum motivo perdeu-se em propagandas. Curiosidades como essa, mostra-nos como o tempo pode mudar os valores.
    Pergunta?
    Qual o percentual de cocaina que éra posto ou, se realmente éra posto na fabricação da coca-cola

    Thumb up 0

Trackbacks/Pingbacks

  1. 10 illegal drugs today, yesterday medicines | UYX NOTICES - [...] LINK (function() {var s = document.createElement('SCRIPT'), s1 = [...]
  2. Propagandas Antigas [politicamente incorretas] de Natal – por Miguel Kramer « Espaço SINHÁ, CADÊ "SEU" PADRE? - [...] propagandas também evoluem, em todos os sentidos. Como você sabe, propagandas antigas vendiam ópio com indicações de uso para …
  3. Ópio, Heroína, Cocaína e Maconha: Remédios Infalíveis « FnK - [...] Hypesciencia /Hypesciencia.Com / Dona [...]
  4. Blog Soy mi propio Jefe | Blog | 10 drogas ilegales de hoy, medicina de ayer - [...] 10 Inacreditáveis propagandas de cocaína e outras drogas [...]
  5. 10 drogas de hoy, medicinas de ayer | RSS Tecnología - [...] 10 Inacreditáveis propagandas de cocaína e outras drogas [...]
  6. 10 Propagandas Inacreditáveis de cocaina e outras drogas proibidas « Vitrinando - [...] Fonte:Hypesciencia /Hypesciencia.Com [...]
  7. | WebmasterUM – Blog - [...] O produto era muito potente, e continha 46% de álcool. [Oddee] [...]
  8. Inutilidades de sexta-feira « Frutilau Inutilidades - [...] pegaveis da atualidade. 2. As 20 piores drogas do mundo. 3. As 10 melhores atrizes porno do Brasil. 4. …

Envie um comentário

Leia o post anterior:
aranha-saltadeira-1
Aranhas podem ser bonitas?

Depois de ver estas ...

Fechar