10 exoplanetas com boas chances de serem habitáveis

Por , em 26.02.2016

Nós já descobrimos muitos planetas fora do nosso sistema solar, mas até agora não encontramos vida em nenhum deles.

Existem bons candidatos, no entanto. Para saber se um exoplaneta é habitável, os pesquisadores primeiro observam qual é sua distância de sua estrela mãe, uma vez que isso diz se o mundo pode ter água líquida em sua superfície. Sem essa capacidade, é impossível para um planeta acolher a vida como a conhecemos.

Outros fatores também são observados. Por exemplo, a composição do exoplaneta deve ser rochosa em vez de gasosa. Além disso, o seu raio e massa devem ser 0,5 a 1,5 vezes e 0,1 a 5,0 vezes os da Terra, respectivamente.

Os dez exoplanetas desta lista são possibilidades interessantes, selecionadas a partir de um catálogo mantido pelo Laboratório de Habitabilidade Planetária da Universidade de Porto Rico.

10. Tau Ceti e

exoplanetas que poderiam ser habitaveis 10
Tau Ceti é uma estrela que fica a cerca de 12 anos-luz de distância da Terra, visível a olho nu do nosso céu.

Tau Ceti e é um candidato planetário neste sistema, o que significa que ainda não foi confirmado como planeta. Descoberto em 2012, se existir de fato, ele tem um ano equivalente a 168,1 dias terrestres, e orbita próximo à borda interna da zona habitável de sua estrela, de forma que é possível que sua superfície contenha água líquida.

A temperatura global média do planeta é estimada como sendo de cerca de 70 graus Celsius (em comparação com cerca de 15 graus Celsius da Terra). Este clima extremamente quente torna Tau Ceti improvável como uma boa morada para seres humanos, mas o mundo pode hospedar formas de vida nos estágios iniciais de desenvolvimento.

Seu raio é de 1,1 a 2,0 vezes o da Terra. Com uma massa superior ou igual a 4,3 vezes a massa do nosso planeta, Tau Ceti e possui uma possibilidade pequena, mas real de habitabilidade. Pode ser que, quando finalmente melhorarmos nossas habilidades de viagem espacial, Tau Ceti e já possa suportar vida mais complexa.

9. Kepler 438B

exoplanetas que poderiam ser habitaveis 9
Kepler 438, a estrela deste sistema planetário, fica a cerca de 473 anos-luz da Terra, na direção da constelação de Lyra. Com aproximadamente 4,4 bilhões de anos de idade, é uma anã vermelha com brilho fraco.

O exoplaneta Kepler 438B, apenas 12% maior que a Terra e com uma massa 0.6 a 4.0 vezes a nossa, é provavelmente rochoso e parece orbitar dentro da zona habitável de sua estrela, permitindo a presença de água líquida.

Seu raio de 1,1 vezes o da Terra também favorece a capacidade de hospedar algum tipo de vida, mas sua temperatura média de 3 graus Celsius poderia ser um problema para seres humanos. É mais provável que esse mundo acolha fases iniciais da vida do que suporte colonização humana.

8. GJ 667C e

exoplanetas que poderiam ser habitaveis 8
GJ 667C é uma anã vermelha a 22 anos-luz da Terra, na constelação Scorpius. Ela faz parte de um sistema estelar triplo contendo mais duas anãs laranjas, que orbitam uma a outra. A anã vermelha orbita ambas. Todas as três estrelas provavelmente possuem de 2 a 10 bilhões de anos.

GJ 667C e, que ainda precisa ser confirmado, é um planeta com um ano de 62 dias terrestres e um raio de 1,0 a 1,8 vezes o raio da Terra. Sua massa é 2,7 vezes maior que a do nosso planeta. Se existir de fato, este mundo está confortavelmente dentro da zona habitável de sua estrela.

Um dos problemas com este exoplaneta, no entanto, é que um dos seus lados é virado permanentemente para a sua estrela mãe, o que significa que a outra metade é constantemente fria. Esta condição limita quanto do planeta é habitável, mas não muda o fato de que ele pode ser capaz de suportar vida humana.

7. Kepler-186f

exoplanetas que poderiam ser habitaveis 7
Kepler-186 é uma anã vermelha a 561 anos-luz da Terra, na constelação Cygnus. Seu exoplaneta Kepler-186f possui um ano equivalente a cerca de 130 dias terrestres, e fica na zona habitável de sua estrela.

Semelhante em tamanho à Terra, com um raio de apenas 1,1 vezes o nosso, o exoplaneta tem uma temperatura média de cerca de 0 graus Celsius, o que o deixa na borda da possibilidade para a habitação humana, a menos que tenha uma espessa atmosfera contendo grande quantidade de dióxido de carbono.

6. Kepler 62f

exoplanetas que poderiam ser habitaveis 6
Kepler 62 é uma estrela na constelação de Lyra a cerca de 1.200 anos-luz da Terra. Esta estrela tem uma massa e raio que é aproximadamente 0,69 vezes e 0,63 vezes maior do que o nosso sol, respectivamente.

O exoplaneta Kepler 62f, que tem um ano de cerca de 268 dias terrestres, foi descoberto em 2013. Sua massa é aproximadamente 0,11 vezes a de Júpiter, que por sua vez é 318 vezes maior que a da Terra.

O raio de Kepler 62f é cerca de 1,4 vezes o da Terra. Este exoplaneta situa-se na zona habitável de sua estrela mãe, tornando possível que haja água líquida na sua superfície. Apesar de possuir uma temperatura média de menos 30 graus Celsius, vários fatores se combinam para tornar Kepler 62f um bom candidato para a habitação humana.

5. Kapteyn B

exoplanetas que poderiam ser habitaveis 5
Kapteyn é uma anã vermelha que fica a 13 anos-luz da Terra, na constelação Pictor. Esta estrela tem uma massa e raio aproximadamente 0,28 vezes e 0,29 vezes maior do que o nosso sol, respectivamente. Com cerca de oito bilhões de anos, foi nomeada em homenagem a Jacobus Kapteyn, um astrônomo holandês que a descobriu no final do século 19.

Kapteyn b, que ainda está aguardando confirmação como um planeta, tem um ano de 48 dias terrestres. O seu raio é desconhecido, mas o mundo tem cinco vezes a massa da Terra e pode conter água na sua superfície. Temos informações suficientes sobre Kapteyn b e sua estrela para estimar que este exoplaneta seja capaz de suportar vida humana.

4. Wolf 1061c

exoplanetas que poderiam ser habitaveis 4
Wolf 1061 é uma anã vermelha localizada a 14 anos-luz de distância da Terra, na constelação Ophiuchus.

Seu exoplaneta pode ser rochoso e habita a zona onde as temperaturas são ideais para a água líquida existir na sua superfície. A gravidade do Wolf 1061c é de cerca de 1,8 vezes a da Terra. No entanto, ele pode estar orbitalmente preso, de forma que um de seus lados sempre encara sua estrela, causando calor extremo, e o outro seja sempre voltado para longe de sua estrela, causando frio extremo. Pode ser possível viver na fronteira entre estes dois hemisférios, mas não seria muito confortável.

3. GJ 667C f

exoplanetas que poderiam ser habitaveis 3
Já falamos aqui da estrela GJ 667C, que faz parte de um sistema triplo. Qualquer planeta orbitando esta anã vermelha veria três “sóis” no céu.

Desta vez, o planeta de interesse é GJ 667C f. Descoberto em 2013, tem um ano que dura 39 dias terrestres e uma massa que é menor ou igual a 2,7 vezes a da Terra. GJ 667C f também tem um raio que é 1,5 vezes maior do que o do nosso planeta, e essa combinação de fatores torna plausível que seja habitável.

2. Kepler 442b

exoplanetas que poderiam ser habitaveis 2
Kepler 442 é uma estrela de cerca de três bilhões de anos com uma massa e raio aproximadamente 0,61 vezes e 0,60 vezes maior do que o nosso sol, respectivamente. Fica a 1.100 anos-luz da Terra, na constelação Lyra.

Seu exoplaneta Kepler 442b foi descoberto em 2015 por um telescópio, quando sua sombra interrompeu brevemente a luz da sua estrela mãe, uma anã laranja.

Com um ano de aproximadamente 112 dias terrestres e um raio 1,34 vezes o da Terra, Kepler 442b é provavelmente rochoso e está a uma distância da sua estrela que torna a existência de água líquida na sua superfície possível. De todos os exoplanetas encontrados até fevereiro de 2016, é um dos mais semelhantes a Terra e tem uma alta probabilidade de suportar vida humana um dia.

1. GJ 667C c

exoplanetas que poderiam ser habitaveis 1
Esse é mais um exoplaneta que orbita a estrela GJ 667C. Ele orbita seu astro rei a cada 28 dias, mas um dia em GJ 667C c seria igual a 56,2 dias terrestres.

A massa deste exoplaneta é 0,01 vezes maior do que o planeta Júpiter. Não sabemos ainda se a superfície do exoplaneta é rochosa ou gasosa, mas ele se encontra na zona onde a água líquida na sua superfície é provável, o que aumenta a possibilidade de ser rochoso.
Por ter a temperatura e massa certas, os pesquisadores acham que este exoplaneta tem excelentes chances de suportar a vida. [Listverse]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (3 votos, média: 4,33 de 5)

Nenhum comentário

  • Andrius Marcos Medeiros:

    hahahaha pena que nem uma destas fotos aqui no site seja de um exoplaneta

Deixe seu comentário!