Conheça o incrível (e nojento) Museu da Carne

Publicado em 18.09.2009

cabeça de ovelha
Cabeça de ovelha enlatada

Você acha que carne de hambúrguer enlatada, bacon enlatado e até um frango inteiro (sim, isso existe!) são demais? Pois você não tem idéia do que está por vir!

Bem-vindo ao Museu da Carne, o lugar onde uma cabeça de ovelha enlatada é artigo comum, assim como língua de boi – industrializada, é claro. O lugar não é propriamente um museu, e sim a coleção de Brad Coram, empresário obcecado por carnes que, há cinco anos, decidiu que queria colecionar as coisas estranhas que encontrava em suas viagens de negócios por vários países. Atualmente, Coram é dono de mais de 110 carnes enlatadas, de mais de 30 países, encontradas por outros “recrutadores”.

“Consumidores já me mandaram latas de suas casas depois de ouvir falar do museu”, afirma Coram. Além disso, ele contou que aproximadamente 15 latas foram confiscadas na alfândega de alguns países, diminuindo um pouco a sua coleção.

A manutenção do museu não é das mais fáceis: as latas têm que ficar bem guardadas e seladas, mas mesmo assim Coram tem medo que alguma delas comece a estourar. De acordo com ele, uma lata de carne de vaca russa e uma jarra de pés de porco já estão começando a se deteriorar e destruir a embalagem.

cabeça de ovelha
O (agora) famoso Museu da Carne

De acordo com o colecionador, é difícil escolher qual é o seu item preferido, mas ele afirma que dois são os mais especiais: uma jarra de carne de porco polonesa que mostra em sua embalagem a foto da família de um ator pornô dos anos 70 fazendo um piquenique e a lata de cabeça de ovelha iraniana.

A crise econômica e a recente criação de teleconferências diminuíram a necessidade de viagens e a procura por carnes estranhas de Coram, mas ele afirma que a busca continua: “Logo eu vou para a Alemanha, e sem dúvida vou encontrar bons produtos lá”, diz o colecionador. “Os alemães comem coisas muito estranhas e, ainda bem, não se importam de comer a partir de uma lata!”. Curiosamente, Brad nunca comeu nenhum de seus itens de coleção – é até difícil imaginar como ele resistiu à cabeça de ovelha! [Gizmodo]

cabeça de ovelha
Carne de porco e a família do ator pornô

Autor: Miguel Kramer

Quer copiar nosso texto? Siga estas simples instruções e evite transtornos.
Compartilhe este artigo

5 Comentários

  1. Eu não sei se conseguiria colecionar carne, porque eu adoro carne. Acho que comeria tudo, mas parabéns a sua determinação pelo diferente, e realmente bizzzzzzzzzzzzzzaro.

    Thumb up 1
  2. Tem gosto pra tudo,ñ gosto de carne!Porque sinto nauseas ao ver que aquela carne é um ser vivo que foi morto p/ alimentar seres que poderiam estar comendo outras infinidades de coisas.Os animais tambem sente dor ao serem mortos. ñ consigo come-los sem me lembrar da dor que sofrem inocentemente e sem necessidade.Claro q concordo ñ havendo outra fonte de alimento q o animal seja sacrificado,mas ñ é o caso esse homem guarda partes dos animais como se guarda um troféu!.Seria + bizarro se ele guardasse partes de humanos mortos em conserva p/ ver todos os dias e mostrar aos humanos vivos q devoram partes de animais em almôços e jantares,comprando-os em açogues!

    Thumb up 1

Envie um comentário

Leia o post anterior:
chiveiro bacteria
Chuveiros são carregados de bactérias

Seu chuveiro pode es...

Fechar