Como a mensagem de texto SMS mudou o mundo

Por , em 4.12.2012

Há 20 anos, era enviada a primeira mensagem de texto para um celular. No dia 3 de dezembro de 1992, o engenheiro informático britânico Neil Papworth enviou a primeira SMS (Short Message Service) a partir de um computador, porque até então os celulares não tinham teclados com o alfabeto.

A primeira mensagem SMS do mundo foi modesta. Com o Natal a alguns dias de distância, ela dizia “Merry Christmas” (Feliz Natal). Quem a recebeu foi Richard Jarvis, na época diretor da operadora de telecomunicações britânica Vodafone, que estava na festa natalícia da empresa. Jarvis não tinha como agradecer as felicitações.

» Pessoas mentem mais em mensagens de texto

A Vodafone desenvolveu a tecnologia para melhorar o sistema de “paging” (bipe). Mal sabiam eles que o SMS mudaria o modo como nos comunicamos hoje. Só na Grã-Bretanha, 150 bilhões de mensagens foram enviadas no ano passado. Em 2010, o serviço SMS registrou cerca de 6,1 trilhões de mensagens enviadas. Atualmente, estima-se que mais de 4 bilhões de pessoas enviam e recebem mensagens.

Duas décadas de mudanças

A explosão dos SMS não foi um processo rápido. Foram precisos vários anos até que as mensagens de texto se tornassem um fenômeno mundial. No princípio, o envio de SMS era gratuito, e, mesmo quando passou a ser tarifado, durante os anos 1990, o custo ainda era baixo em relação às comunicações de voz.

Em 1994, a Vodafone lançou o primeiro serviço de mensagens de texto similar ao que conhecemos, mas as SMS poderiam ser enviadas apenas para pessoas da mesma rede de celular. Em 1999, o serviço foi potencializado, e começou a ser possível trocar SMS entre redes diferentes.

» Torpedos SMS deixam você mais estúpido

Os jovens sempre foram os principais utilizadores do serviço. Na Grã-Bretanha, nove em cada dez indivíduos entre 16 e 24 anos dizem se comunicar diariamente através de SMS, em comparação com 15% das pessoas com mais de 65 anos, de acordo com a Ofcom.

No princípio, era possível escrever mensagens de até 160 caracteres. As pessoas logo criaram uma linguagem própria para transmitir o máximo de informação nesse espaço restrito. Letras, números e símbolos começaram se misturar e daí surgiu um novo vocabulário, que é entendido por quase todos. “Td bem”, “9dds?”, “kd vc?”, “bjs” e expressões do gênero passaram a ser cada vez mais comuns. Sempre acompanhadas de emoticons para expressar o humor, é claro :D.

Perda de espaço

No segundo semestre de 2012, foram enviados sete bilhões de SMS, 6,2% a menos do que no mesmo período do ano passado, segundo dados da Autoridade Nacional de Comunicações de Portugal (Anacom). Pela primeira vez na história, as mensagens de texto estão mostrando sinais de declínio.

A explicação é que cada vez mais pessoas estão trocando SMS tradicionais por outros sistemas de comunicação rápida e gratuita, como os aplicativos Whatsapp, Viber, Groupme e os chats do Facebook, Gmail ou Skype.

Você utiliza mensagens de texto com frequência? Deixe seu comentário! [Telegraph/JPN/tvi24]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 4,00 de 5)

1 comentário

  • Rone Firmino:

    Uso umas vezes por dia. Poderia voltar a ser de graça. Pois as operadoras estão com os bolsos cheios.

Deixe seu comentário!