Segredo das crateras enormes da Sibéria e revelado – e a notícia não é boa

Por , em 4.04.2016

No verão de 2014, algumas pessoas encontraram crateras bizarras de 30 metros de largura no meio da Península de Yamal, na Sibéria, Rússia. Todos os tipos de teorias sobre a formação destes buracos enormes no chão apareceram ao longo dos últimos dois anos. As possibilidades iam desde asteroides até – inevitavelmente – extraterrestres. No entanto, a realidade talvez seja ainda mais surpreendente e aterrorizante. Os cientistas agora pensam que a mudança climática causou estas aberrações geológicas.

As zonas árticas estão esquentando em um ritmo alarmante. Os cientistas acreditam que a camada permanente de gelo que fica sobre a tundra, a vegetação típica da região, está começando a descongelar. Com isso, gás metano que estava preso no gelo pode começar a escapar. “A pressão do gás aumentou até que estivesse alta o suficiente para empurrar as camadas superiores, em uma ejeção poderosa, formando a cratera”, explica o geoquímico alemão Hans-Wolfgang Hubberten.

Esta teoria é reforçada pelos altos níveis de metano que foram encontrados no fundo da primeira cratera. Existem explicações alternativas para a formação das crateras, mas é quase certo que a mudança climática desempenha um papel. ”As mudanças climáticas já estão acontecendo no Ártico, de maneira mais rápida do que os ecossistemas lá podem se adaptar. Olhar para o Ártico é como olhar para o canário na mina de carvão de todo o ecossistema da Terra”, alerta Alan Buis, cientista e pesquisador da NASA.

O canário na mina de carvão é uma alusão a um método que os mineradores usavam para detectar se havia gás metano sendo expelido nas minas. Eles levavam pequenos canários com eles. Se o gás estivesse presente, mataria os canários antes de matar as pessoas, alertando os mineradores para o risco. [IFLS]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (4 votos, média: 5,00 de 5)

3 comentários

  • Edgardo Prado:

    o canário morreu … 🙁

  • Rafael Bianchi:

    Que coincidenca. Parece o surfista prateado, provocando crateras, alterando o clima global, e logo depois vem o destruidor de mundos.

    • Marvel:

      Ai vem o Galactus comer a Terra. ashsgsg

Deixe seu comentário!