,

Elon Musk explica por que, cedo ou tarde, vamos ter que sair da Terra

Por , em 12.09.2016

O blogueiro especializado em tecnologia e comportamento Tim Urban recentemente criou uma metáfora interessante para ilustrar por que algum dia vamos precisar deixar nosso planeta: imagine a Terra como um hard drive.

Neste hard drive temos todas os nossos arquivos salvos. Todas as músicas, todos os livros, todo pensamento que já foi pensado e toda palavra que já foi pronunciada. Cada memória. E isso não é tudo: todas as espécies que existem na Terra estão armazenadas neste HD.

O detalhe é que este HD já pifou antes – quando o planeta foi atingido por enormes meteoros –, e quando isso aconteceu, perdemos quase tudo o que tínhamos. Dois terços da população que existia naquele momento foi extinta. Faz sentido fazer um backup dessas informações. Por isso, segundo Tim Urban, precisamos sair da Terra.

“Se você tivesse um hard drive com um documento extraordinariamente importante nele, e você soubesse que ele tende a pifar a cada um ou dois meses, sendo que a última vez que isso aconteceu foi há cinco semanas, qual é a coisa óbvia a ser feita? Você copiaria o documento para um segundo hard drive”, argumentou ele.

Este é um dos motivos pelos quais Elon Musk, o gênio por trás do Paypal, Tesla Motors e SpaceX, quer ir para Marte. Para ele, esta é uma forma de garantir a existência da humanidade.

Musk não quer enviar apenas cientistas e especialistas para o planeta vermelho, mas também pessoas comuns – para conseguir fazer o backup mais completo possível. Ele pretende enviar 1 milhão de pessoas para Marte no futuro.

“Ou espalhamos a Terra para outros planetas, ou arriscamos entrar em extinção. Um evento que causa a extinção é inevitável e estamos num beco sem saída. O objetivo é melhorar a tecnologia espacial e de foguetes até que possamos enviar pessoas para Marte e estabelecer vida lá”, afirmou Musk em uma conferência de 2013.

Claro que esta tarefa não é tão simples quanto parece. Marte não é exatamente um balneário à espera de visitantes terráqueos. “Marte é um planeta que precisa de melhorias. Mas podemos fazer funcionar”, disse ele. “Concordo que isso é improvável, mas se não continuarmos melhorando a tecnologia a cada ano, não vamos chegar lá”.

Em 2016, Musk prometeu revelar até o final do ano um foguete projetado para transportar até 100 pessoas de cada vez para Marte. [Futurism]

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (5 votos, média: 5,00 de 5)

Deixe seu comentário!